Ginecologia e Obstetrícia (Estágio parcelar)

Objectivos

É esperada a observação e/ou realização de vários procedimentos na área de G/O tendentes à aquisição de autonomia crescente. As tarefas efectuadas deverão ser mencionadas no relatório final de estágio a entregar ao tutor, o qual deverá autenticar os registos do log book.

Caracterização geral

Código

11143

Créditos

6

Professor responsável

Prof.ª Doutora Teresa Ventura

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

 

Bibliografia

Beckmann C et al. (2014) Obstetrics and Gynecology, 7th Edition, Lippincot Williams & Wilkins (The American College of Obstetricians and Gynecologists). ISBN 978-1-4511-4431-4
De Cherney et Nathan (2012). Current Obstetric & Gynecologic Diagnosis & Treatment, 11st Edition, The Mc Graw-Hill Companies Inc, ISBN 978-0-07-174267-2
Monga A, Dobbs S (2011).  Gynaecology by Ten Teachers, 19th Edition, Hodder et Stoughton Ltd, ISBN: 978-0-340-983-546
Baker P, Kenny L (2011). Obstetrics by Ten Teachers, 19 th Edition, Hodder et Stoughton Ltd, ISBN: 13: 978-0-340-98353-9
Graça LM et al. (2017) Medicina Materno-Fetal. 5ª ed. Lidel- Edições Técnicas Lda. ISBN 978-989-752-307-6
SPEDM, SPD, SPOMMF, SPP (2016). Relatório de Consenso sobre a Diabetes e Gravidez http://www.spd.pt/images/consenso_dg_atualizacao2016.pdf
SPDC (2011). Consensos sobre contracepção

Sites recomendados:
Direcção Geral de SaúdE  www.dgs.pt
Sociedade portuguesa de contracepção  www.spdc.pt
Organização Mundial de Saúde  www.who.int/

Método de ensino

Nesta UC o ensino clínico é simultâneo à atividade assistencial e o rácio docente: aluno é de 1:1

As modalidades pedagógicas a utilizar são: acompanhamento do tutor no período de trabalho diário (consultas, enfermaria, bloco, técnicas diagnósticas), frequência do serviço de urgência de Ginecologia/ Obstetrícia 12h por semana, integrado na equipa do tutor; um Workshop por período de estágio (4 semanas): o aluno dispõe de 10 min para apresentar o seu trabalho, devendo a data ser definida no início; elaboração de relatório final de estágio pelo aluno, que será avaliado pelo tutor. Os estágios deverão integrar-se nas diversas actividades assistenciais e de investigação do serviço, incluindo as reuniões semanais. O aluno deverá ser integrado de acordo com a respectiva norma vigente no serviço e ter conhecimento dos procedimentos administrativos inerentes à actividade clínica. Tendo em conta a vertente profissionalizante desta UC, o aluno deverá participar na realização de histórias clínicas, praticar técnicas e procedimentos, ter contacto com familiares e outros profissionais em temas de abordagem multidisciplinar. O registo destas competências/aquisições deve ser feito na caderneta de desempenho (log-book).

Método de avaliação

Classificação final= Urgência 0,3 + Obstetrícia 0,3 + Ginecologia 0,3 + Relatório 0,1

Conteúdo

O estágio profissionalizante de G/O dura 4 semanas e funciona num contexto de maior responsabilização individual e de integração em equipa. Como objectivos gerais, visa proporcionar a aquisição de atitudes e competências em ginecologia e em obstetrícia, indispensáveis à boa prática médica. Pretende-se que os alunos sejam integrados na prática clínica hospitalar de forma tutelada, acompanhando sempre que possível o tutor na sua actividade, observando e/ou realizando procedimentos fundamentais para o seu exercício profissional futuro. Os conhecimentos, capacidades e atitudes adquiridos ao longo do curso e principalmente na cadeira de ginecologia e obstetrícia do 4º ano, deverão ser aqui sedimentados e enquadrados na medicina da mulher.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: