Escrita de casos clínico-patológicos

Objectivos

A Unidade curricular tem como principal objectivo dotar/melhorar as capacidades de comunicação, através da escrita de artigos científicos do tipo casos clínico-patológicos (case-report).

São objectivos específicos da aprendizagem, que o aluno no final do semestre, seja capaz de:

1. Conhecer os tipos de comunicações médicas

2. Conhecer as regras éticas e os tipos de plágio

3. Desenvolver as aptidões de pesquisa e investigação da literatura adequada

4. Saber interpretar o processo clínico e os exames complementares de diagnóstico

5. Saber descrever um caso clínico-patológico

6. Saber discutir um caso clínico-patológico

7. Estruturar e apresentar o caso sobre a forma de comunicação escrita

8. Saber utilizar os mecanismos e processos de submissão do artigo cientifico sob a forma de caso clínico-patológico a uma Revista Médica

Caracterização geral

Código

11201

Créditos

3

Professor responsável

Prof.ª Doutora Ana Félix

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

A disponibilizar brevemente

Pré-requisitos

Conhecimentos em Medicina e em Anatomia Patológica

Capacidade de escrever em inglês

Bibliografia

Estarão disponíveis no site do Departamento:

 

•       Artigos sobre a escrita de artigos científicos.

•       Os pdfs das aulas teóricas.

•       Exemplos de casos clinico-patológicos na literatura

•       Exemplos dos artigos escritos no ano lectivo anterior

Método de ensino

Serão seleccionados um conjunto de casos clínico-patológicos com características que permitam a sua publicação e elaborada uma lista a ser divulgada aos alunos na primeira aula teórica. A lista terá as seguintes indicações sobre os casos: área científica do caso clínico-patológico, docente responsável pelo caso e hospital onde serão as aulas práticas.

A escolha do caso clinico-patológico a estudar e a escrever será feita pelos alunos (se não houver acordo, será por sorteio)

Em edições anteriores desta UC foram já publicados dois artigos por extenso e 7 comunicações científicas em congressos em revistas indexadas na Pubmed.

O ensino da disciplina inclui:

I.           Aulas teóricas de introdução (2h)

Estas aulas destinam-se a transmitir elementos básicos e práticos para a preparação de um artigo científico; para a submissão de artigos científicos para publicação e para relembrar regras fundamentais éticas e deontológicas da actividade médica aplicáveis na escrita de artigos científicos.

Tópicos da introdução teórica:

•   tipos de comunicações médicas

•   processos de submissão do artigo cientifico

•   tipos de pesquisa e investigação da literatura

•   regras éticas e deontológicas

•   tipos de plágio

 

II.        Aulas práticas num dos Hospitais (ver locais de ensino prático).

O estudo do caso clinico-patológico será feito orientado pelo docente responsável, num dos Hospitais. Nessas aulas práticas o aluno, em conjunto com um Assistente, deverá fazer

•   a análise, a interpretação e a discussão de caso clínico-patológico,

•   que inclui o estudo do processo clínico de um doente (história clínica, exames laboratoriais, radiológicos e anátomo-patológicos - registo macroscópico, e as preparações histo-patológicas).

•   a revisão da literatura sobre o tema

•   a elaboração da proposta de um artigo científico que relate os elementos e faça a discussão desses elementos  à luz dos conhecimentos científicos actuais.

•   a submissão do artigo escrito a uma revista científica  com revisores científicos de preferência indexada.

 

São objectivos específicos de aprendizagem prática:

•   Aprender a valorizar os achados lesionais e correlacioná-los com a informação clínica 

•   Promover a descrição rigorosa dos elementos principais constitutivos de um caso clínico-patológico.

•   Praticar a elaboração de uma epicrise

•   Aplicar os conhecimentos básicos das diferentes áreas da patologia a situações concretas, e efectuar a explicação dos mecanismos patogénicos e da expressão sintomática das doenças, nomeadamente no processo de correlação da informação clínica (sintomas, sinais, dados laboratoriais) com a expressão morfológica das doenças.

•   Promover a interdisciplinaridade com outras especialidades médicas.

•   Contribuir para o conhecimento científico através da escrita de artigos científicos sobre casos clínico-patológicos.

Organização do ensino prático:

1.      Cada aluno terá um plano de trabalho estruturado para todas as aulas práticas

2.      Preparação do seminário final para apresentação do caso clinico

Método de avaliação

A nota final será obtida do seguinte modo:

•   Avaliação contínua  pelo docente responsável (20%)

•   Entrega do texto escrito do caso clínico-patológico formatado para publicação numa Revista Científica, à escolha entre o docente e discente (60%).

•   data de entrega: cerca de duas semanas ANTES das datas fixadas pelo calendário escolar para a avaliação final da UC.

•   Discussão oral num júri com 3 elementos do caso clínico-patológico(20%)

            consta dos seguintes pontos:

        •   apresentação do artigo científico (10 min.) feita pelos autores (discentes) em formato de tipo power point

        •   avaliação oral

        •   discussão crítica do artigo

      •   perguntas sobre aspectos clínicos, laboratoriais, anátomo-patológicos e ainda referentes aos aspectos teóricos abordados no artigo científico.

Conteúdo

Elementos básicos do conhecimento teórico e prático para a preparação de um artigo científico para submissão a uma revista médica para publicação e das regras fundamentais éticas e deontológicas da atividade médica aplicáveis na escrita de artigos científicos. Ensino e escrita de um artigo científico.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: