Value-Based Health Care

Objectivos

A unidade curricular oferece as ferramentas necessárias para que os futuros médicos sejam capazes de compreender o conceito e as implicações do conceito de Value-Based Health Care (VBHC), e estejam preparados para trabalhar eficazmente em contextos de prestação de cuidados de saúde baseada em valor, ou até mesmo liderar, dentro das organizações de saúde, a transformação que a implementação do conceito de VBHC no terreno requer.

Caracterização geral

Código

11234

Créditos

3

Professor responsável

Prof. Doutor João Marques Gomes

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

 

Bibliografia

Livro de referência

 

Sites

Método de ensino

As aulas da unidade curricular são de natureza teórico-prática e têm a duração de 2 horas. As aulas têm uma componente expositiva e uma componente interativa. A unidade curricular combina a discussão de conceitos teóricos com um forte lado prático apoiado pela discussão de exemplos reais e de estudos de caso. Pede-se aos alunos que tenham uma participação ativa nas aulas.

Método de avaliação

O exame final é um exame de resposta múltipla. É obrigatório e cobre todos os conteúdos programáticos da unidade curricular. O peso do exame final é 50% da classificação final. A restante avaliação consiste na participação nas aulas e na assiduidade (10%) e em trabalho de campo (40%).

Conteúdo

  1. Introdução

1.1. Crescimento das despesas de saúde

1.2. Implicações da variação dos resultados de saúde

1.3. Noções de eficiência e eficácia

1.4. Modelos de pagamento de cuidados de saúde

 

  1. O conceito de Value-Based Health Care (VBHC)

2.1. O que é exatamente VBHC? O que é valor em saúde?

2.2. Quais são as vantagens do VBHC? Por que razões o VBHC é melhor? É sempre melhor?

2.3. Como pode o VBHC contribuir para alinhar os objetivos de todas as partes interessadas?

2.4. Qual é o desafio da transformação do valor?

 

  1. Medição do valor dos cuidados de saúde

3.1. Como pode o valor dos cuidados de saúde ser medido na prática? Como as partes interessadas podem medir o valor dos cuidados de saúde? Patient Reported Outcomes Measures (PROMs) e Patient Reported Experience Measures (PREMs)

3.2. Resultados que importam aos doentes

3.3. Os standard sets do ICHOM – como são construídos e como são implementados?

3.4. Tecnologias de Informação para recolher e armazenar dados

 

  1. Custeio

4.1. Metodologias de custeio em organizações de saúde

4.2. Time-Driven Activity Based Costing

4.3. Processo de mapeamento do percurso do doente

 

  1. Prestação de cuidados de saúde baseada em valor

5.1. Unidades de Prática Integrada

5.2. Prestação de cuidados de saúde com múltiplas instalações e em múltiplos locais

5.3. Como pode o VBHC ser monitorizado?

5.4. Análise da atividade e gestão do desempenho

 

  1. Contratação baseada em valor

6.1. Estratégias inovadoras de pagamento aos prestadores de cuidados de saúde

6.2. Evidência do mundo real, medicamentos e dispositivos médicos

 

  1. Desafios na implementação do VBHC

7.1. Pode a transformação para VBHC fazer-se sozinho ou é necessário que todos participem?

7.2. Quais são os pré-requisitos para o VBHC?

7.3. Como pode alguém liderar a transformação para o VBHC? Como tudo se ajustaria?

7.4. Liderança, cultura e gestão da mudança

7.5. Ética organizacional

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: