Epidemiologia e Métodos em Investigação Clínica

Objectivos

A epidemiologia e os conceitos básicos sobre metodologias de investigação clínica são componentes essenciais do conhecimento e fundamentais para quem desenvolve atividade de gestão da investigação clínica. Com esta Unidade Curricular pretendemos lançar as bases para que os alunos compreendam os métodos epidemiológicos e de investigação que servem de suporte aos projetos de investigação e de intervenção, aumentar os seus conhecimentos e a sua capacidade crítica em relação aos resultados de investigação publicada e disponível, torná-los autónomos na compreensão de questões científicas, reconhecer as limitações da evidência em que se baseiam muitos procedimentos, reforçar o gosto pela curiosidade, estudo e conhecimento.

Caracterização geral

Código

191002

Créditos

6

Professor responsável

Professora Doutora Helena Cristina de Matos Canhão

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português ou Inglês

Pré-requisitos

 

Bibliografia

·         Kenneth Rothman, Epidemiology: An Introduction. 2ªEdição. Oxford University Press, 2012.

·         Robert Fletcher, Clinical Epidemiology. 5ªEdição. Lippincott Williams & Wilkins, 2012.

·         Programa estatístico STATA.

Método de ensino

A UC pressupõe o recurso a um total 128 horas: 42 horas de contacto e 86 horas de pesquisa, estudo individual e desenvolvimento / acompanhamento de um projeto.

As 42 horas de contacto são distribuídas em aulas teóricas (14 horas) e teórico-práticas (28 horas).

 

Método de avaliação

·         Avaliação contínua baseada na assiduidade e na participação nas aulas T e TP (20%);

·         Exame final (50%);

·         Relatório e apresentação oral onde o aluno demonstra que compreendeu os objectivos do projeto e os métodos utilizados e que ficou familiarizado com o processo de investigação (30%).

Conteúdo

Aulas Teóricas

Apresentação e objetivos da UC; O que é a epidemiologia e a epidemiologia clínica; Variáveis dependentes e variáveis independentes; Outcomes measures e Medidas de Associação;  Testes e modelos estatísticos; Confundidores, Bias, Efeito modificador, Interação, Colinearidade; Desenho, implementação e condução de estudos de investigação; Estudos observacionais; Estudos de Intervenção; Instrumentos e escalas; Revisão sistematizada da literatura; Meta-análises; Dimensão da amostra e poder do estudo; Ética na investigação humana. 

 

Aulas Teórico-Práticas

Prática de STATA; Avaliação e discussão de artigos científicos; como fazer uma apresentação; Avaliação de projetos científicos; Seminários variados sobre epidemiologia e investigação clínica aplicada a algumas doenças e condições específicas.

Para além das 42h horas de contacto, os alunos deverão desenvolver ou participar/acompanhar um projeto observacional ou experimental na área da epidemiologia/investigação clínica.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: