Doutoramento em Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento Sustentável (interuniversitário)

Objetivos educativos

O Programa Doutoral em Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento Sustentável é uma iniciativa conjunta entre a Universidade de Lisboa e a Universidade Nova de Lisboa. Enquadra-se numa área interdisciplinar que se centra nos domínios das ciências do ambiente e das ciências sociais e funciona em parceria com a Universidade de East Anglia, no Reino Unido, uma instituição de referência internacional nestes domínios.
O Programa Doutoral tem uma duração de 3 anos e inclui um curso de formação avançada interdisciplinar entre as ciências físicas, naturais, sociais e humanas no 1º e 2º Semestres. Os seus públicos-alvo são diversificados, abrangendo profissionais das áreas do ambiente, planeamento e energia, entre outras, bem como estudantes interessados em seguir a carreira académica.
Mais informação disponível em http://alteracoesclimaticas.ics.ulisboa.pt/

Caracterização geral

Código

1036

Ciclo

Doutoramento (3.º Ciclo)

Grau

Doutor

Acesso a outros cursos

O grau de doutor é uma qualificação final.

Coordenador

Maria José Roxo; Filipe Duarte Santos (Director do Programa; FC-UL) José Lima Santos (ISA-UTL), José Saldanha Matos (IST-UTL), Júlia Seixas (FCT-UNL), Luísa Schmidt (ICS-UL), Viriato Soromenho-Marques (FL-UL)

Data de abertura

Setembro de 2019

Número de vagas

20

Propinas

1.º ano: 2750€ l 2º e 3º ano: valor praticado na instituição de acolhimento da tese (1.375€/ano na NOVA FCSH)

Horários

(a disponibilizar em http://fcsh.unl.pt/escola-doutoral/doutoramentos)

Requisitos para obtenção do grau ou diploma

Duração: 6 semestres. Créditos totais: 180 créditos (60 em unidades curriculares; 120 na componente não letiva). Modalidades de componente não letiva: Tese.
O grau de doutor corresponde ao nível 8 do QNQ/QEQ - Quadro Nacional de Qualificações/Quadro Europeu de Qualificações.

Condições de acesso

Para ingressar num ciclo de estudos de doutoramento (CED), o candidato deve satisfazer as condições estabelecidas na legislação nacional, nos normativos da UNL e respeitar, pelo menos, uma das condições expressas nas alíneas seguintes: a) Possuir o grau de mestre, ou equivalente legal; b) Possuir o grau de licenciado e ser detentor de um currículo escolar ou científico especialmente relevante, que seja reconhecido pela Comissão Científica do Curso como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos; c) Ser detentor de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido pela Comissão Científica do Curso como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos.

Regras de avaliação

O ciclo de estudos conducente ao grau de doutor integra a realização de um curso de doutoramento constituído por unidades curriculares dirigidas à formação para a investigação; a realização de uma tese original e especialmente elaborada para este fim, adequada à natureza do ramo de conhecimento ou da especialidade e que contribua para o alargamento das fronteiras do conhecimento. As unidades curriculares de tipo seminário são classificadas na escala numérica de 0-20. A classificação final do curso de doutoramento é expressa pelas fórmulas Aprovado ou Não Aprovado. Nos casos de aprovação, a classificação final do curso de doutoramento é expressa no intervalo 10-20 na escala numérica de 0-20, fazendo a média aritmética das classificações, na qual as unidades curriculares com 10 ECTS. A classificação final da tese é expressa pelas fórmulas de Aprovado ou Recusado por votação nominal justificada não sendo permitidas abstenções.