Antropologia Portuguesa Contemporânea - 1. semestre

Objectivos

OA1. Conhecer, problematizar e utilizar os principais temas e paradigmas associados à Antropologia Portuguesa Contemporânea;
OA2. Desenvolver pensamento crítico na análise de realidades, processos e agentes sociais neste contexto, através da leitura crítica da
bibliografia;
OA3. Capacitar para trabalhar individualmente ou em equipa, e para comunicar oralmente e por escrito.;
OA4. Objetivar o saber pela participação em trabalhos de terreno

Caracterização geral

Código

711001014

Créditos

6

Professor responsável

Paula Godinho

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não tem.

Bibliografia

BRITO, J. Pais de, coord. (1994) Fado: Vozes e Sombras, Lisboa, Museu Nacional de Etnologia.
BRITO, J. Pais de et al., coord. (1996) O Voo do Arado, Lisboa, Museu Nacional de Etnologia/IPM/MC.
COLE, Sally (1994) Mulheres da Praia – o trabalho e a vida numa comunidade costeira, Lisboa, D. Quixote.
CORDEIRO, Graça I. (1997) Um lugar na cidade – Quotidiano, memória e representação no bairro da Bica, Lisboa, D. Quixote.
GODINHO, Paula (2010) Festas de Inverno no Nordeste de Portugal - Património, mercantilização e aporias da “cultura popular”, Castro Verde, 100 Luz.
LEAL, João (2000) Etnografias Portuguesas (1870-1970), Lisboa, D. Quixote.
LIMA, Antónia P. (2003) Grandes Famílias, Grandes Empresas, Lisboa, D. Quixote.
OLIVEIRA, Ernesto Veiga de (1983) Festividades cíclicas em Portugal, Lisboa, D. Quixote.
PEREIRA, Benjamim, coord. (2006) Rituais de Inverno com máscaras, Bragança, Museu Abade de Baçal.

Método de ensino

As aulas dividem-se em aulas teóricas (apresentadas pela docente e convidados) e teórico-práticas, com debates a partir do visionamento de
filmes;
Ao longo do período lectivo, o/a estudante deverá desenvolver as suas capacidades de análise e síntese, de pesquisa, de crítica, de comunicação
escrita e oral, no âmbito desta UC, em conformidade com os objectivos de aprendizagem definidos.
Para a aquisição destas competências serão utilizadas as seguintes metodologias de ensino-aprendizagem (ME):
1. Expositivas, para apresentação dos quadros teóricos de referência
2. Participativas, com análise de textos e filmes, seguidos de discussão
3. Activas, com realização de trabalho de terreno dirigido pela docente, apresentações individuais e de grupo
4. Auto-estudo, relacionado com o trabalho autónomo do aluno

Método de avaliação

Avaliação: apresentação de um texto (25%), assiduidade e participação (15%) e um ensaio escrito (60%).

Conteúdo

CP 1. Introdução: uma visão processual da antropologia portuguesa contemporânea.
CP2. Famílias e construções de género, vizinhanças e redes sociais.
CP3. Ruralidades e desruralização, comunitarismo e grupos sociais nos campos.
CP4. Ritualidades, novos ciclos festivos, expressividades urbanas

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: