Contextos Etnográficos (europeus) - 1. semestre

Objectivos

OA1. Conhecer, problematizar e utilizar os temas e paradigmas principais associados ao Contexto Etnográfico Europeu;
OA2. Desenvolver pensamento crítico na avaliação de realidades, processos e agentes sociais neste contexto, através das sessões expositivas, do visionamento de filmes e da leitura crítica da bibliografia
OA3. Capacitar para trabalhar individualmente ou em equipa, e para comunicar oralmente e por escrito.
OA4. Objetivar o saber pela participação em trabalhos de terreno

Caracterização geral

Código

711001022

Créditos

6

Professor responsável

Paula Godinho

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não tem.

Bibliografia

Bellier, I. & T. M. Wilson (eds.), 2000. An Anthropology of the European Union. Oxford: Berg. Cairo, H. et al., 2018. Rayanos y forasteros: fronterización e identidades en el límite hispano-portugués. Madrid: Plaza y Valdez. Kavanagh, W. & J. Lauth Bacas (eds.), 2013. Border Encounters. New York, Oxford: Berghahn. Macdonald, S., 2013. Memorylands. Heritage and Identity in Europe Today. London: Routledge. Narotzky, S. &. G. Smith, 2006. Immediate struggles. People, Power and Place in Rural Spain. Berkeley: University of California Press. Roque, Maria-Ángels (ed.), 2000. Nueva antropología de las sociedades mediterráneas. Barcelona: Icaria. Stoklosa, Katarkyna (ed.), 2013. Living on the Border. London: Routledge. Strath, B & M. af Malmborg (eds.), 2000. The Meaning of Europe: Oxford, Berg. Thiesse, A.-M., 2000. A construção das identidades nacionais. Lisboa: Temas e Debates.

Método de ensino

As aulas dividem-se em aulas teóricas (apresentadas pela docente e convidados) e teórico-práticas, com debates a partir do visionamento de filmes; Ao longo do semestre lectivo, o/a estudante deverá desenvolver as suas capacidades de análise e síntese, de pesquisa, de crítica, de comunicação escrita e oral, no âmbito desta UC, em conformidade com os objectivos de aprendizagem definidos. Para a aquisição destas competências serão utilizadas as seguintes metodologias de ensino-aprendizagem (ME): 1. Expositivas, para apresentação dos quadros teóricos de referência 2. Participativas, com análise de textos e filmes, seguidos de discussão 3. Activas, com realização de trabalho de terreno dirigido pela docente, apresentações individuais e de grupo 4. Auto-estudo, relacionado com o trabalho autónomo do aluno

Método de avaliação

Avaliação: mini-teste, assiduidade e participação e um ensaio escrito ou um teste.

Conteúdo

CP1. Introdução: organização económica e social, estratificação e construções simbólicas no contexto europeu; CP2. A construção das nações, a edificação da Europa, os indícios de novos processos;
CP3. A produção da região e dos lugares;
CP4. As fronteiras, os refugiados e as migrações;
CP5. A desruralização e a neoruralidade; CP6. As cidades, os subúrbios e os lugares de confinamento;
CP7. Patrimonialização e turistificação.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: