Análise e Teoria Musical - de 1890 a 1950 - 2. semestre

Objectivos

a) Desenvolver competências técnicas e conceptuais na área da Análise Musical de música no período de transição do sistema tonal para os diversos sistemas de escrita da primeira metade do séc. XX;
b) Conhecer as principais correntes estética do pensamento teórico-musical no período considerado assim como algumas técnicas de composição que lhes estão associadas e os compositores que as representam;
c) Contextualizar do ponto de vista histórico, sociológico e estético os fenómenos musicais, reflectindo concretamente sobre as técnicas emergentes que vieram alterar o panorama musical, relativos a este período;
d) Desenvolver competências de prática de Análise Musical adaptadas aos paradigmas musicais do período estudado, assim como as capacidades de análise auditiva de obras, através do estudo aprofundado de compositores e obras específicas representativas do período estudado;

Caracterização geral

Código

711021003

Créditos

6

Professor responsável

Isabel Pires

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português sem apoio tutorial em LE

Pré-requisitos

N/A

Bibliografia

(colectivo) (2001), Analyse et Création Musicales, L’Harmattan.
BERRY, Wallace. (1976) Structural Functions in Music, Dover Publications.
LESTER, Joel, (1989) Analytic Approaches to Twentieth-Century Music, Norton.
MORGAN, Robert P., (1991) Twentieth-Century Music: A History of Musical Style in Modern Europe and America, W. W. Norton & Company;
WHITTALL, Arnold, (1999) Musical Composition in the Twentieth Century, Oxford University Press.
WILLIAMS, J. Kent . (1997) Theories and Analyses of Twentieth-Century Music, Harcourt Brace & Company.
DELIÈGE, Irène; WIGGINS, Geraint A. (eds.) (2006) Musical Creativity: Multidisciplinary Research in Theory and Practice. Psychology Press
GRIFFITHS, Paul. (2011) Modern Music and After, N.Y., Oxford University Press; 3 edition.
KOSTKA, Stefan. (2005) Materials and Techniques of Twentieth-Century Music, 3rd ed., Upper Saddle River, NJ, Prentice Hall

Método de ensino

50 % aulas práticas, 50% de aulas teóricas. Combinação de exposição teórica, discussão e prática de análise musical. Audições comentadas e prática de análise auditiva.

Método de avaliação

Participação activa nas discussões temáticas e exercícios realizados nas aulas (10%). Um trabalho escrito de análise musical apresentado sob a forma de artigo (30%). Prova(s) escrita(s) (60%).

Conteúdo

1. Abordagem aprofundada da música da primeira metade do séc. XX. Estudo das principais correntes musicais vigentes no período considerado assim como compositores e técnicas que lhe estão associadas, com especial incidência no impressionismo, expressionismo, neo-classicismo e neo-modalismo.
2. Estudo aprofundado, através da prática da análise, das técnicas e estéticas de um número restrito obras musicais representativas do período e das correntes musicais tratadas. Serão abordados aspectos relevantes da transição entre o paradigma tonal e as diversas abordagens técnicas e estéticas surgidas no período estudado. Será dada especial atenção aos compositores da Segunda Escola de Viena, e ainda Debussy, Bartók, Stravinsky, Edgard Varèse, entre outros, através da análise aprofundada de excertos de obras. Será ainda estudada a música de outros compositores relevantes para o estudo analítico e contextualização, teórica e estética, da música da primeira metade do séc. XX.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: