História da Música - de 1890 a 1950 - 1. semestre

Objectivos

a) Adquirir e desenvolver competências metodológicas e conceptuais na área da História da Música;
b) Conhecer as principais problemáticas, compositores, movimentos, instituições e géneros musicais respeitantes ao período considerado;
c) Adquirir capacidade para contextualizar histórica, sociológica e ideologicamente os fenómenos musicais;
d) Conhecer o repertório musical e musico-teatral do período considerado;
e) Conhecer as metodologias actuais de investigação, apresentação e comunicação de resultados de acordo com os padrões académicos.


Caracterização geral

Código

711021026

Créditos

6

Professor responsável

Paulo Ferreira de Castro

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não aplicável

Bibliografia

TARUSKIN, Richard, The Oxford History of Western Music IV: The Early Twentieth Century, New York, Oxford University Press, 2005
COOK, Nicholas e Anthony POPLE (coord.), The Cambridge History of Twentieth-Century Music, Cambridge: Cambridge University Press, 2004
MORGAN, Robert P. (coord.), Modern Times, Houndmills: Macmillan, 1993
MORGAN, Robert P., Twentieth-Century Music, New York: Norton, 1991
SALVETTI, Guido, La nascita del Novecento, Torino: E.D.T., 1991

Método de ensino

60% de aulas teóricas, 40% de aulas práticas. Combinação de exposição teórica, discussão, leituras obrigatórias e trabalhos práticos. Audições comentadas e apresentações audiovisuais.

Método de avaliação

Uma a duas frequências escritas. A assiduidade e a participação activa são valorizadas na avaliação final.

Conteúdo

Abordagem panorâmica da música ocidental da 1ª metade do séc. XX, e nomeadamente das mudanças de ordem técnica, formal e estética características do período modernista. Discussão dos conceitos de “modernismo”, “modernidade” e “vanguarda” e sua aplicação à música. Contextualização dos fenómenos musicais em função das temáticas da emancipação e contra-emancipação social e política, dos imperativos de ruptura e inovação, das relações inter-artes, e do discurso da autonomia estética. Abordagem detalhada de algumas das tendências centrais do período em questão, nomeadamente: Debussy e a música francesa da viragem do século; Stravinski e o intercâmbio cultural franco-russo; a Segunda Escola de Viena e a sua herança; a cultura musical da República de Weimar; modernismo, primitivismo, nacionalismo e neoclassicismo.



Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: