Literatura Brasileira - 2. semestre

Objectivos

a) Adquirir conhecimento específico sobre a evolução da literatura brasileira, a sua história enquanto literatura nacional e os problemas da sua constituição em separação da literatura portuguesa;
b) Aprofundar o conhecimento da diferenciação linguística do português, designadamente através do contacto com o português literário brasileiro e em particular adquirindo alguma familiaridade com a diferenciação linguística no Brasil;
c) Adquirir conhecimento sobre a contribuição brasileiras para a literatura universal, aprofundando o estudo de alguns autores fundamentais para essa contribuição;
d) Adquirir conhecimento sobre os problemas da literatura mundial, as relações entre países e literatura, o problema da especificidade nacional das literaturas e a historicidade da noção de literatura;
e) Aprofundar o conhecimento da teoria literária, a experiência da leitura literária e o domínio das técnicas de análise literária.

Caracterização geral

Código

711091118

Créditos

6

Professor responsável

Abel Barros Baptista, Clara Maria Abreu Rowland

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não se aplica

Bibliografia

Obras de carácter geral:
— Histórias e estudos de carácter geral:
Alfredo Bosi, História Concisa da Literatura Brasileira, 35.ª ed., São Paulo, Cultrix, 1997.
Antonio Candido, Iniciação à Literatura Brasileira, São Paulo, Humanitas, 1999.
—, O Romantismo no Brasil, São Paulo, Humanitas/FFLCH/USP, 2002.

— Antologias:
Antonio Candido, José Aderaldo Castello, Presença da Literatura Brasileira, 10.ª ed., São Paulo, Bertrand, 1997.
Massaud Moisés, A Literatura Brasileira através dos Textos, 19.ª ed., São Paulo, Cultrix, 1995.

A bibliografia específica é em parte indicada no começo das aulas e em parte responsabilidade da pesquisa do aluno.

Método de ensino

Percentagem de aulas práticas: 60 %. Predomínio de leituras e análises na aula, com aulas de exposição para enquadramento dos textos analisados e organização de conclusões.

Na avaliação, a participação dos alunos terá um peso importante, entre 20 e 30%. Um trabalho escrito intermédio corresponderá a 35% da classificação final, e um trabalho final valerá entre 35% e 45 %. A determinação destas ponderações dependerá dos textos a estudar em cada ano e do grau de dificuldade que apresentem.

Método de avaliação

Trabalho intermédio: 50% da nota final.
Frequência final: 50 % da nota final.

Conteúdo

1.Fundação de uma literatura nacional: a matriz romântica.
a) a teoria da literatura brasileira de Gonçalves de Magalhães e o \"problema português\";
b) a particularidade da obra poética de Gonçalves Dias;
c) centralidade de José de Alencar: leitura de Iracema.

2. Leituras da ficção brasileira moderna:
a) Machado de Assis, Memórias póstumas de Brás Cubas ou Dom Casmurro, contos;
b) Graciliano Ramos, São Benardo;
c) Clarice Lispector, Laços de família;
d) João Guimarães Rosa, Primeirs estórias;

3. O modernismo brasileiro e a refundação da literatura nacional.
a) leituras de Mário de Andrade, Oswaldo de Andrade e Manuel Bandeira;

4. Leituras da poesia brasileira moderna.
a) Carlos Drummond de Andrade, Alguma poesia;
b) Manuel Bandeira, Libertinagem;
c) João Cabral de Melo Neto, A educação pela pedra.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: