História Contemporânea (Séculos XVIII-XIX) - 1. semestre

Objectivos

a) Adquirir uma visão crítica do século XIX alargado, entre 1789 e 1914, como época fulcral para a compreensão da contemporaneidade.
b) Analisar no “longo século XIX” os principais traços de modernidade, mas também de persistência da tradição, ao nível político, económico e social, essencialmente no contexto europeu.
c) Compreender a História da Europa numa perspectiva comparada em relação a outras regiões do mundo.
d) Conhecer as diferentes perspectivas historiográficas relativas ao período e aos temas estudados.
e) Ser capaz de pesquisar, seleccionar e trabalhar fontes documentais e textos historiográficos sobre o período e temas em estudo.
f) Ser capaz de elaborar trabalhos de síntese e realizar exposições orais sobre qualquer uma das matérias leccionadas.
g) Adquirir conhecimentos que habilitem a um prosseguimento aprofundado de estudos sobre a época contemporânea.

Caracterização geral

Código

711051017

Créditos

6

Professor responsável

Daniel Ribeiro Alves

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não aplicável

Bibliografia

Beauchamp, C. (1998). Revolução Industrial e crescimento económico no séc. XIX. Lisboa: Edições 70.
Doyle, W. (2001). The French Revolution: A Very Short Introduction. Oxford: Oxford University Press.
Gildea, R. (2003). Barricades and Borders: Europe, 1800-1914. Oxford: Oxford University Press.
Kaelble, H. (Ed.). (2004). The European way: European societies during the nineteenth and twentieth centuries. New York: Berghahn Books.
Sperber, J. (2000). Revolutionary Europe, 1780-1850. Edinburgh: Pearson Education.
Sperber, J. (2008). Europe 1850-1914: Progress, Participation and Apprehension. London: Routledge.

Método de ensino

As aulas teóricas serão essencialmente expositivas, com a possibilidade de intervenção dos alunos para esclarecimento de dúvidas ou comentários. As aulas práticas serão dedicadas à análise, comentário e debate de textos historiográficos, fontes documentais, filmes ou sites da Internet sobre o século XIX, previamente seleccionados pelo docente e analisados pelos alunos.


Método de avaliação

Os alunos serão avaliados através da sua participação nas aulas práticas (20% da cotação final) e de duas frequências escritas sem consulta (40% + 40%).

Conteúdo

1.Introdução ao “longo século XIX” (1789-1914)
a.Enquadramento cronológico e geográfico
b.Temas e perspectivas sobre uma época de modernidade
2.A Europa em sobressalto (1789-1815)
a.Antecedentes da Revolução Francesa
b.Revolução e guerra: o fim do “ancien régime”?
c.A Revolução à conquista da Europa: o Império Napoleónico
d.A Revolução Industrial: o pioneirismo inglês
3.O retomar do equilíbrio europeu (1815-1851)
a.O Congresso de Viena e o “sistema” de Metternich
b.A Europa liberal e a Europa conservadora
c.A erupção revolucionária de 1848-1851
4.A Europa dos novos nacionalismos (1850-1871)
a.A guerra da Crimeia e o afastamento da Rússia
b.A unificação Italiana
c.A unificação Alemã e a derrota da França
5.A Europa dominadora e dividida (1871-1914)
a.A Revolução Industrial: outros protagonistas, novas conquistas
b.A crise do liberalismo
c.A nova política de alianças
d.A corrida aos impérios
e.Rumo à Grande Guerra
6.A Europa dos contrates (1789-1914)
a.Modernidade e Persistência
b.Sociedade burguesa: entre o público e o privado
7.Uma herança do século XIX: os “ismos”

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: