Antropologia Urbana - 1. semestre

Objectivos

Esta cadeira pretende explorar a(s) forma(s) como a antropologia tem encarado os estudos urbanos e a cidade. Durante o semestre abordaremos
não apenas a constituição de uma antropologia urbana mas também a multiplicidade de perspetivas e temas contemporâneos. No final do
semestre, os alunos deverão adquirir uma visão alargada das pesquisas antropológicas sobre o urbano e a cidade

Caracterização geral

Código

711001016

Créditos

6

Professor responsável

José Mapril

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não tem.

Bibliografia

1.Simmel, G. (1903), “A metrópole e a vida do espírito” in Fortuna, C., (ed.) (1997), Cidade, Cultura e Globalização, Oeiras, Celta Editora.
2.Weber, M. (1921) [1958], “The nature of the city” in Weber, M. (1921) [1958], The City, New York, Collier Books, pp.71-96.
3.Park, R. (1925) [1967], “The City: Suggestions for the investigation of human behaviour in the urban environment” in Park, R., Burgess, E., (eds.) (1925) [1967].
4.Burgess, E., “The growth of the city: an introduction to a research project” in Park, R., Burgess, E., (eds.) (1925) [1967], The City: Suggestions
for investigation of human behaviour in the urban environment, Chicago, Chicago University Press, pp. 47-62.
5.Redfield, R. (1947), “The Folk Society”, American Journal of Sociology, 53 (4), pp. 293-308.
6. Wirth, L, (1938), “O urbanismo como modo de vida” in Fortuna, C., (ed.) (1997), Cidade, Cultura e Globalização, Oeiras, Celta Editores, pp.1-46

Método de ensino

As aulas são essencialmente teórico-práticas e dinamizados pelo docente. A participação e o debate são encorajadas.

Método de avaliação

A avaliação realiza-se através de:
a) Assiduidade e participação em aula (10%)
b) Mini-teste (30%)
c) Frequência (60%

Conteúdo

1. Antropologia urbana: da Ecologia urbana às cidades imaginadas
2. Georg Simmel e a cultura da metrópole
3. Max Weber e a cidade na história
4. William Thomas, Florian Znaniecki e os camponeses polacos no EUA
5. Robert Park, Ernest Burgess e a Escola de Chicago
6. Robert Redfield e Louis Wirth e os legados de Chicago
7. Max Gluckman, J. Clyde Mitchell, o Instituto Rhodes Livingstone e a escola de Manchester
8. John Barnes, Elizabeth Bott e a teoria de redes
9. Michael Young, Peter Willmot e Bethnal Green
10. Herbert Gans e os aldeões urbanos
11. Oscar Lewis e a cultura da pobreza
12. Ulf Hannerz e as culturas do gueto
13. Richard Fox e uma antropologia das cidades
14. Anthony Leeds e as escalas de análise
15. Leith Mulling e a economia política das cidades
16. Owen Lynch a e cidade pós moderna
17. Setha Low e a reimaginação da cidade
18. A cidade guetizada e a marginalidade avançada
19. Cidades globais
20. Cidades «multi-étnica» e a superdiversidade

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: