História da Arte da Antiguidade Clássica e Tardia

Objectivos

a) Distinguir Arte Clássica e Arte da Antiguidade Tardia no território português;
b) Analisar contextos contemporâneos da Arte da Antiguidade;
c) Conhecer a herança artística da Antiguidade em Portugal;
d) Entender as continuidades artísticas desde a Antiguidade até aos nossos dias;
e) Identificar a Arte da Antiguidade no território português;
f) Associar os conteúdos da Arte da Antiguidade em Portugal com a Arte da Antiguidade em geral;
g) Aplicar metodologias de investigação e de análise dos testemunhos artísticos da Antiguidade em Portugal.

Caracterização geral

Código

711061050

Créditos

6

Professor responsável

A disponibilizar brevemente

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não aplicável

Bibliografia

ALARCÃO, J. (dir.), Do Paleolítico à Arte Visigótica, vol. I da História da Arte em Por¬tugal, Lisboa, Alfa, 1986;
ALARCÃO, J. O Domínio romano em Portugal,”Fórum da História”, 4ª edição, Pub. Europa-América, 1988;
ALMEIDA, F., Arte Visigótica em Portugal, sep. de O Arqueólogo Português, Nova Sé¬rie, 4, Lisboa, 1962 B. Geral);
GARCIA v BELLIDO, A., Esculturas Romanas en Espana y Portugal, Madrid, 1949(BHA);
HAUSCHILD, Th., “Arte Visigótica”, in História da Arte em Portugal, vol. I, Lisboa, Alfa, 1986;
MACIEL, M. J., Antiguidade Tardia e Paleocristianismo em Portugal, Lisboa, 1996
MACIEL, M. J., A Arte da Época Clássica (séculos II a C - II d. C.), in História da Arte Portuguesa (Dir. Paulo Pereira), I, Lisboa, Círculo de Leitores, 1995, pp. 76-101;
MACIEL, M. J. A Arte da Antiguidade Tardia (séculos III-VIII, ano de 711), in História da Arte Portuguesa (Dir. Paulo Pereira), I, Lisboa, Círculo de Leitores, 1995, pp. 102-149.

Método de ensino

Ensino teórico-prático em que as aulas desenvolverão os temas enunciados nos conteúdos com recurso a imagens.
Orientação dos alunos na selecção e leitura da bibliografia, no desenvolvimento do trabalho académico (Fichas de leitura, Recensões Críticas ) e na realização e apresentação escrita e oral de um trabalho pessoal de investigação.

Método de avaliação

Teste escrito (60%)
Elaboração de um trabalho de investigação pessoal ( 30%):
Escrito (10%) + 2 Relatórios (2%) + Uma Entrevista obrigatória com Professora (3%)
Oral (10%)
Trabalhos sobre Visitas de Estudo e Análise de Textos e imagens (10 %).

Conteúdo

1.As tradições mediterrâneas e as interacções com as culturas do território português desde a pré-história à Idade do Ferro. As aculturações resultantes. Os vasos gregos em Portugal.
2.Conceito de romanização e de Antiguidade Tardia. Administração e gestão do território e sua relação com a Arte nos diferentes contextos: clássico, romano-tardio, suévico e visigótico
3. A Cidade. Modos de instauração do urbanismo romano em Portugal. A cidade na Antiguidade Tardia. Cidades com e sem continuidade urbanística
4. A arquitectura urbana, religiosa, termal, doméstica e do espectáculo. A arquitectura industrial. A topografia cristã na cidade antiga
5. O Campo. A paisagem dos espaços rurais. A Villa e a sua evolução arquitectónica e funcional, da romanização à cristianização
6. A escultura. Os modelos romanos no território português: importação e oficinas regionais e locais. O retrato. A escultura religiosa pagã e cristã;
7. O mosaico, a pintura, as artes ditas menores. Novas ideologias

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: