Metodologias de Investigação - 1. semestre

Objectivos

Pretende-se que os alunos adquiram e/ou desenvolvam: 1. Conhecimentos e competências metodológicas para delinear e gerir, de modo integrado e evolutivo, o projecto de investigação fundamental ou aplicada conducente à realização da componente não lectiva do mestrado. 2. Conhecimento e compreensão das principais estratégias e opções técnicas disponíveis para a investigação em Ciências Sociais, e capacidade para as combinar em função dos objectivos da investigação. 3. Capacidade de apresentação e discussão crítica e reflexiva de projectos de investigação.

Caracterização geral

Código

722071074

Créditos

10

Professor responsável

Ana Nestal Roque, Rui Santos

Horas

Semanais - 3 letivas + 1 tutorial

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português com apoio tutorial em LE,

Pré-requisitos

Não aplicável

Bibliografia

Bardin, L. (2004). Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70. Becker, H. (2007). Writing for social scientists. Chicago: Chicago University Press. Berry, W. D., & Sanders, M.S. (2000). Understanding multivariate research. Boulder: Westview. Burgess, R. (1997). A pesquisa de terreno. Oeiras: Celta. Creswell, J. (2014). Research design: Quantitative, qualitative and mixed methods approaches. London: Sage. Denzin, N., & Lincoln, Y. (Ed.). (2018). The Sage handbook of qualitative research. Thowsand Oaks: Sage. Gilbert, N. (Ed.). (2016). Researching social life. London: Sage. Guerra, I. (2006). Pesquisa qualitativa e análise de conteúdo: Sentidos e formas de uso. Estoril: Principia. King, G., Keohane, R., & Verba, S. (1994). Designing social inquiry. Princeton: Princeton University Press. Ragin, C. (1987). The comparative method: Moving beyond qualitative and quantitative strategies. Berkeley: University of California Press.

Método de ensino

Ensino presencial. Os tópicos do programa são objecto de lições de síntese, a aprofundar pelas leituras indicadas. Em simultâneo, os estudantes devem, nos períodos de acompanhamento tutorial e através de um forum moodle, expor e discutir, com os docentes e entre si, a evolução dos seus projetos pessoais, até ao plano de investigação final. As sessões tutoriais servem também para aprofundar e orientar o estudo sobre as questões metodológicas e técnicas em função das necessidades do projeto.

Método de avaliação

Avaliação contínua e formativa da participação do estudante nas discussões dos projetos. A avaliação sumativa final desta componente é ponderada com 20%. O projeto escrito final é ponderado com 80%.

Conteúdo

1. Método científico, operacionalização e planeamento da investigação. Estrutura lógica geral de um plano de investigação. Fases típicas da investigação e evolução do planeamento. 2. Planeamento de investigação exploratória inicial. Do tema ao problema de investigação. Pesquisa bibliográfica e revisão da literatura. Exploração empírica inicial. A iteração entre problematização, exploração e conceptualização. 3. Planeamento de investigação exploratória aprofundada: A construção de uma problemática. Teorização, operacionalização e sistematização da pesquisa. A lógica de aprofundamento na investigação qualitativa. 4. Planeamento de investigação para teste de hipóteses e modelos de análise. Modelos de análise explicativos e compreensivos. Lógicas de teste (experimental, comparativa, estatística). A lógica de validação na pesquisa qualitativa. 5. Fundamentos e aplicações das principais estratégias e técnicas de investigação empírica: 5.1 Quantitativas. 5.2 Qualitativas.