Dimensões e Modos de Expressão das Desigualdades - 2. semestre

Objectivos

1. Compreensão das dimensões dos problemas sociais e das políticas seguidas para lhes fazer face.
2. Compreensão das linhas modais das políticas públicas que podem estar associadas aos problemas e, particularmente, daquelas que têm uma intervenção directa nas políticas sociais orientadas para o tratamento dos problemas;
3. Conhecimentos das prioridades das políticas, os dispositivos, as modalidades, os actores, as lógicas de intervenção e os respectivos sistemas de legitimidade, assim como sobre a extensão das políticas e os possíveis modos de apropriação;
4. Compreensão da informação numa perspectiva histórica e comparativa;
5. Capacidade de análise de dimensões específicas das desigualdades e de gestão de acções com elas relacionadas;
6. Capacidade de comunicação clara dos conhecimentos relevantes da temática.

Caracterização geral

Código

722081044

Créditos

10

Professor responsável

Casimiro Marques Balsa, Cláudia Urbano, Manuel Gaspar da Silva Lisboa

Horas

Semanais - 3 letivas + 1 tutorial

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não aplicável.

Bibliografia

• Marger, Martin, 2013, Social Inequality: Patterns and Processes , Mc Graw-Hill, 13th edition
• Carmo, Renato do, 2012, Desigualdades sociais 2010: estudos e indicadores, Ed. Mundos Sociais, 240 pp
• Neckerman, M. Kathryn (ed), 2004, Social Inequalities, Russell Sage Foundation, New York
• McMullin, Judite, 2009, Understanding Social Inequality: Intersections of Class, Age, Gender, Ethnicity, and Race in Canada, Oxford University Press ,395 pp
• Marchall, Gordon, 1997, Repositioning class: social inequality in industrial societies, Sage Publications, 236 pp

Método de ensino

É seguida uma metodologia interactiva que associa um momento de formulação de questões que tende a valorizar a eventual experiência dos alunos e um outro de sistematização adequada à integração dos conteúdos e à regulação dos processos de investigação dos alunos.

Método de avaliação

A avaliação é baseada nos contributos dos alunos nas aulas e na sua posterior formalização, num trabalho escrito. Procura-se que os alunos integrem os conteúdos da formação nos seus trabalhos de tese.
Complementarmente, no que respeita a conteúdos transversais, procura-se que os trabalhos dos alunos alimentam dossiers temáticos destinados a serem socializados pelo conjunto.

Conteúdo

A unidade curricular é estruturada em módulos que cobrem dimensões específicas das desigualdades, podendo ser adaptadas aos projectos dos alunos. Programação tipo:
• Módulo A: Sistema de cuidados de saúde, relação ao corpo e desigualdades sociais,
• Módulo B: Políticas públicas, educação e desigualdades sociais
• Módulo C: Desigualdades sociais associadas a características individuais
• Módulo D: Etnicidade, diferença e desigualdades sociais
• Módulo E: Espaço e desigualdades sociais