Catástrofes Ambientais e Sociedade - 1. semestre

Objectivos

a) Reconhecer a importância da interdisciplinaridade na análise das Catástrofes ambientais. b) Compreender as diferentes escalas a que ocorre estes fenómenos. c) Apreender as diferenças de magnitude e de ocorrências das catástrofes ambientais a nível global. d) Avaliar os efeitos da ocorrência destes fenómenos na Sociedade. e) Analisar o tipo e frequência das Catástrofes Ambientais em Portugal. f) Desenvolver e aplicar os conhecimentos adquiridos no diagnóstico e na prevenção deste tipo de fenómenos. g) Interpretar de forma critica e analítica textos e dados.

Caracterização geral

Código

722041077

Créditos

10

Professor responsável

Carlos Russo Machado

Horas

Semanais - 3 letivas + 1 tutorial

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não tem

Bibliografia

Beck, U. (1992). Risk Society: Towards a New Modernity. London: Sage Publications. Chaline, C., & Dubois-Maury, J. (1993). La ville et ses dangers. Paris: Masson. Dauphiné, A. (2001). Risques et catastrophes: observer, spatialiser, comprendre, gérer. Paris: A. Colin. Dennis, H. (1998). Comprendre et gérer les risques sociotechnologiques majeurs. Montréal: Presses Internationales Polytechnique. ENISA. (2006). Risk Management: Implementation principles and Inventories for Risk Management/Risk Assessment methods and tools. Herakleon: European Network and Information Security Agency. Fairman, R., Mead, C. D., & Williams, W. P. (1999). Environmental Risk Assessment: Approaches, Experiences and Information Sources . Copenhagen: European Environment Agency. Guha-Sapir, D., Hargitt, D., & Hoyois, P. (2004). Thirty years of natural disasters 1974-2003: the numbers. Louvain: Centre for Research on the Epidemiology of Disasters Disasters & Presses Universitaires de Louvain.

Método de ensino

Aulas expositivas e participativas.

Método de avaliação

Conteúdo

1) Introdução aos conceitos de perigo, risco e desastre. 2) Os diferentes tipos de catástrofes ambientais e sua distribuição espacial. 3) Catástrofes geológicas, climáticas, hidrológicas, biológicas e tecnológicas, causas e consequências. 4) A previsão e prevenção. 5) O papel do geógrafo no diagnóstico. 6) Metodologias participativas e de percepção, sobre as catástrofes ambientais. 7) Perspectivas futuras.