Património Documental - 2. semestre

Objectivos

a) Compreender os conceitos que integram a noção de \"património documental\", na perspectiva da História e das Ciências da Informação;
b) Identificar a diversidade de suportes e contextos de comunicação em que se desenvolveu o património
documental ao longo do tempo;
c) Integrar e gerir a patrimonialização dos documentos no ciclo de vida da informação;
d) Assimilar princípios básicos de preservação e conservação aplicados ao patrímónio arquivísitico e
bibliográfico;
e) Reconhecer as missões específicas das tipologias de arquivos e bibliotecas e as suas diferentes valências patrimoniais, tanto a nível nacional como internacional;
f) Promover estratégias de comunicação do património documental adaptadas aos diferentes públicos, tendo presentes as suas exigências legais e éticas;
g) Cultivar um espírito de análise, de rigor e de pesquisa, aliado a uma atitude crítica na criação de novo
conhecimento;
h) Aprofundar competências de comunicação oral e escrita.

Caracterização geral

Código

722051200

Créditos

10

Professor responsável

Paula Ôchoa

Horas

Semanais - 3 letivas + 1 tutorial

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não aplicável

Bibliografia

BELLO URGELLÈS, Carmen; BORRELL CREHUET, Àngels – El patrimonio bibliográfico y documental: claves para su conservación preventiva. Gijón: Trea, 2002.
CABRAL, Maria Luísa - Património bibliográfico e bibliotecas na construção da identidade colectiva: entre um conceito e o seu desenvolvimento, 1750-1800. Tese de doutoramento apresentada à FCSH-UNL, 2013.
CULLINGFORD, Alison - The Special Collections Handbook. London: Facet, 2011.
ACRL/ALA - Guidelines: Competencies for Special Collections Professionals. 2008.
Inquérito sobre o Estado de Conservação do Património Arquivístico e Bibliográfico em Portugal. Lisboa:
APBAD, 1999.
LE GOFF, Jacques - Documento/monumento. In Enciclopédia Einaudi. Vol. 1. Lisboa: IN-CM, 1984, p. 95-106.
MCNEELY, Ian F.; WOLVERTON, Lisa - Reinventing Knowledge: From Alexandria to the Internet. New York: W. W. Norton & Company, 2008.
ROUSSEAU, Jean-Yves ; COUTURE, Carol - Os fundamentos da disciplina arquivística. Lisboa : Dom Quixote, 1998.

Método de ensino

O seminário será desenvolvido por meio de aulas presenciais, tutorias e trabalho autónomo dos alunos.
As aulas presenciais terão um carácter teórico-prático, alternando momentos de exposição teórica dos temas, conceitos, vocabulário e métodos específicos da área com a análise e comentário de textos apresentados pelos alunos.
No início do ano lectivo será definido o calendário das actividades práticas das aulas, bem como um conjunto de leituras obrigatórias. Os alunos terão também oportunidade de visitar colecções patrimoniais em bibliotecas e arquivos.

Método de avaliação

A avaliação será feita com base na seguinte ponderação:
a) Um trabalho escrito de investigação individual (4000 a 5000 palavras, 40%), com apresentação oral à turma (10%)
b) Apresentação oral de textos ou temas pré-definidos (20%) e seu comentário (10%), na aula;
c) Relatório de uma visita de estudo (1000 a 1500 palavras) (20%).

Conteúdo

1. Introdução:
1.1. Património documental: abordagens e perspectivas na definição de um conceito
2. Evolução dos contextos de escrita e de memória:
2.1. Do manuscrito ao impresso, audio-visual e digital
3. O ciclo de vida da informação em arquivos e bibliotecas:
3.1. Revisão dos conceitos de fundo e colecção
3.2. Criação, aquisição, organização e recuperação
3.3. O valor da informação e os seus critérios: avaliação e selecção
3.4. Preservação e conservação do património documental
4. O sistema de arquivos e bibliotecas em Portugal:
4.1. Tipologias, missões, públicos e colecções patrimoniais
4.2. O património documental e museológico: sinergias e convergências
5. Da custódia ao acesso:
5.1. Enquadramento legal e ético do património documental
5.2. Estratégias de comunicação e fruição entre as diferentes comunidades

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: