Património Material, Móvel e Arquitetónico

Objectivos

Reflectir sobre os conceitos: património material, património móvel, patrímónio arquitectónico, património
integrado.
Conhecer e analisar, no território português, a permanência de patrimónios integrados e funcionais.
Conhecer e analisar, no território português, a permanência de patrimónios integrados sem função.
Conhecer e analisar, no território português, tentativas de recuperação de integração de patrimónios
temporariamente desintegrados.
Compreender as particularidades de conservação e restauro das diferentes tipologias de património.
Reflectir sobre as articulações entre património e cidade e património e paisagem.
Reflectir sobre as articulações entre Património e Museu.
Eleger casos estudo para aplicação de conhecimentos.
Avaliar situações patrimoniais diversas.

Caracterização geral

Código

722051415

Créditos

10

Professor responsável

A disponibilizar brevemente

Horas

Semanais - 3 letivas + 1 tutorial

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Pré-requisitos

n.a.

Bibliografia

CHOAY, Françoise (2000), A alegoria do património, Lisboa: Ed. 70
- CUNO, James (ed.) (2009), Whose Culture ? The Promise of Museums and the Debate over Antiquities,
Princeton: Princeton University Press
- CUSTÓDIO, Jorge (coord. científica) (2010), 100 anos de património : memória e identidade : Portugal 1910-2010, Lisboa : IGESPAR
- GILLMAN, Derek (2010), The Idea of Cultural Heritage: Revised Edition, Cambridge University Press
- JOKILEHTO, Jukka (2002), History of Architectural Conservation, Oxford: Butterworth-Heinemann

Método de ensino

Os seminários serão teórico-práticos, determinando a leitura de textos fundamentais, contando com a
participação de especialistas e visitas de estudo relacionadas.

Método de avaliação

Cada aluno elaborará o seu projecto pessoal de participação no seminário e o modelo de avaliação
seleccionado, dentro dos parâmetros propostos.A preencher pelo docente responsável, discriminar peso de
cada elemento de avaliação.

Conteúdo

Definição de conceitos: património material, património arquitectónico, património móvel, património
integrado.
Casos de estudo de patrimónios integrados com elevado grau de conservação e relativa permanência de
função: o Convento dos Cardaes em Lisboa
Casos de estudo de património integrados refeitos na contemporaneidade: o Convento de Tibães, Braga.
Casos de estudo de musealização de patrimónios integrados: os antigos palácios reais; o museu Nacional do Azulejo.
Refuncionalização de patrimónios arquitectónicos: dos usos correntes à recriação artística.
Os patrimónios desligados: as igrejas vazias e os recheios museológicos.
Os patrimónios escondidos: demolições e sobrevivências. Caso estudo: o antigo Convento da Trindade, em Lisboa.
Exigências técnicas da salvaguarda e conservação.
Os patrimónios, a cidade e a paisagem.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: