Empreendedorismo Cultural

Objectivos

­ Estudar e reflectir crítica e comparativamente sobre algumas especificidades do empreendedorismo na Cultura
­ Analisar projectos de empreendedorismo
­ Avaliar as potencialidades do empreendedorismo em áreas da informação
­ Diagnosticar e conceber projectos de empreendedorismo exequíveis

Caracterização geral

Código

722051429

Créditos

6

Professor responsável

A disponibilizar brevemente

Horas

Semanais - 3 letivas + 1 tutorial

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Pré-requisitos

n.a.

Bibliografia

European Commission, (2013). Entrepreneurship 2020 Action Plan, COM(2012) 795 final, 9 Jan 2013.
Hagoort; Thomassen; Kooyman (ed), (2012). Pioneering minds worldwide. On the entrepreneurial. Principles of the Cultural and Creative Industries. Delft: Eburon Academic Press.
Kuhlke; Schramme; Kooyman (ed) (2015). Creating cultural capital. Cultural Entrepreneurship in Theory, Pedagogy and Practice. Eburon Academic Press.
­Rae; Gee; Moon, (2009). Creating an entreprise culture in a University: the role of an entrepreneurial learning team, Industry and Highe Education, vol.23, p.183­197.
Sorin & Sessions, (2015). Case Studies in Cultural Entrepreneurship: How to Create Relevant and Sustainable Institutions: Rowman & Littlefield Publishers.
Throsby,D. (2010). Culture of innovation. London: NESTA.
Wiklund, Davidsson, Audretsch & Karlsson, (2011). The Future of Entrepreneurship Research. Entrepreneurship Theory and Practice, 35(1), 1­9. World Economic Forum Switzerland, (2009).

Método de ensino

O seminário será desenvolvido por meio de aulas presenciais e por trabalho autónomo dos alunos.
As aulas presenciais terão um carácter teórico­prático, sendo constituídas por momentos de exposição teórica dos temas, exercícios práticos, apresentações orais e debates participados pelos alunos. Os alunos devem ler o material que é sugerido antes de cada aula.
O trabalho autónomo dos alunos deve complementar e aprofundar os conhecimentos transmitidos em sala, promovendo uma aprendizagem autónoma por parte dos alunos.

Método de avaliação

A avaliação será feita com base na seguinte ponderação:
­Trabalho de grupo (apresentação escrita) – 45%
­Trabalho de grupo (apresentação oral) – 15%
­Comentário de textos (individual) – 30%
­Participação (individual) ­10%

Conteúdo

I. EMPREENDEDORISMO. ENQUADRAMENTOS.
1. Um conceito?
2. Uma técnica económica?
3. Uma atitude empresarial?
4. Uma perspectiva de emprego?
5. Uma releitura do económico?

II. EMPREENDEDORISMO E CULTURA.
6. As Ciências Sociais e Humanas e o empreendedorismo.
7. As Ciências da Informação e Documentação e o empreendedorismo.
8. Os Arquivos, Bibliotecas, Museus, Centros Culturais e as Artes.
9. O empreendedorismo na Cultura.

III. CONSTITUINTES DO EMPREENDEDORISMO.
10. O capital cultural.
11. As novas indústrias da Cultura.
12. Diagnosticar, comunicar, projectar, avaliar.
13. A Cultura como agente sócio­económico.
14. Oportunidades e desafios.

IV. EDUCAR PARA O EMPREENDEDORISMO

15. É possível ensinar empreendedorismo?
16. Saberes universitários e empreendedorismo.
17. As boas práticas do empreendedorismo.

V. JÚNIOR EMPRESAS
18. Um exemplo de empreendedorismo.
19. Uma visão activa de estágios e formação para a vida.
20. O dinamismo do triângulo Universidade, Alumni, Entidade/Empresa.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: