Preparação do Plano de Tese

Objectivos

Para preparação do seu Plano de Tese, o doutorando deverá ser capaz de fazer um resumo do estado da arte no domínio científico em que fará a investigação de doutoramento. Nesta fase, adequadamente acompanhado pelo Orientador, o aluno deverá estudar a literatura científica que descreva os principais resultados já obtidos e que definam a fronteira do conhecimento no domínio de estudo. O aluno deverá ser capaz não só de sintetizar esses resultados mas igualmente descrever as suas limitações, avaliar criticamente as propostas feitas para as ultrapassar, e ainda preparar um plano de investigação, incluindo a sua calendarização, que permita explorar as vias mais promissoras para a obtenção de resultados que permitam avançar significativamente a fronteira identificada.

Caracterização geral

Código

9548

Créditos

17.0

Professor responsável

Maria João Seixas de Melo

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

O aluno deverá obter aprovação na unidade curricular de Seminário de Investigação no âmbito do qual recolherá informações relevantes sobre o tópico de investigação escolhido .

Bibliografia

Artigos científicos publicados em revistas e em actas de conferências relacionados com o tópico escolhido pelo aluno. Livros ou outra informação registada noutros suportes que se julgue pertinente.

Método de ensino

A disponibilizar brevemente

Método de avaliação

O aluno será avaliado pelo Plano de Tese que produzir, que será apresentado e discutido com  a Comissão de Acompanhamento do seu doutoramento.

Conteúdo

O Programa d doutoramento em conservação e restauro baseia-se numa supervisão individual, onde cada doutorando tem um supervisor científico, como tal, nesta unidade curricular, o aluno terá sessões individuais de trabalho com o seu orientador (de forma integrada com os restantes membros da equipa de investigação), de modo a definir o seu tema de doutoramento, a literatura a rever e discutir os problemas existentes. No entanto, o trabalho do aluno terá uma natureza fundamentalmente autónoma.

O aluno deverá mostrar ser capaz não só de sintetizar esses resultados mas igualmente de descrever as suas limitações, fazer uma avaliação crítica das propostas, para as ultrapassar, e preparar ainda um plano de investigação, que deverá incluir a sua calendarização. Desta forma explorar-se-ão as vias mais promissoras para a obtenção de resultados que permitam alargar significativamente a referida fronteira do conhecimento.

O doutorando deverá demonstrar a sua capacidade de alargar significativamente, através de investigação original, a fronteira do conhecimento na área em que a sua tese de doutoramento se enquadra. Para esse efeito deverá conceber novos métodos e técnicas inovadoras de abordagem dos problemas em aberto, idealizar experiências e testes que permitam concluir da validade dos resultados obtidos, e comparar esses resultados com os obtidos por outros investigadores.

Requisitos de frequência

A discutir caso a caso, à medida do projecto do candidato

Bibliografia recomendada 

Artigos científicos publicados em revistas e em actas de conferências relacionados com o tópico escolhido pelo aluno. Livros ou outra informação registada noutros suportes que se julgue pertinente.

Métodos de ensino 

O orientador, através de sessões de estudo individuais e sistemáticas com o aluno, deverá prepará-lo para  identificar os temas mais relevantes nos artigos estudados e a estabelecer as relações entre eles. 

Métodos de avaliação 

O projecto do plano de tese será escrito no formato indicado no site CORES, e apresentado e discutido com a Comissão de Acompanhamento. Sendo avaliado pela CAT

Língua de ensino

As sessões de estudo serão normalmente em português, se for esta a língua materna do orientador e do aluno.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: