Fisiologia

Objectivos

Compreender o funcionamento dos principais sistemas orgânicos, nomeadamente os sistemas cardiovascular, respiratório, nervoso e renal, numa perspectiva fisiológica (i.e., não patológica), bem como dos mecanismos subjacentes à sua regulação. Em particular, o aluno deverá ser capaz de descrever os mecanismos de regulação dos sistemas cardiovascular e respiratório, usados como modelo de regulação fisiológica.

O aluno deverá também ser capaz de interpretar o significado funcional dos principais parâmetros fisiológicos.

O aluno deverá ainda conhecer os conceitos básicos inerentes à caracterização histológica dos principais tecidos: epitelial, conjuntivo, muscular e nervoso.

Caracterização geral

Código

3086

Créditos

6.0

Professor responsável

Cláudia Regina Pereira Quaresma, Ricardo Alexandre da Silva Santos Afonso

Horas

Semanais - 4

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

A disponibilizar brevemente

Bibliografia

- Guyton, AC; Hall, JE (2006). Textbook of Medical Physiology. Elsevier Saunders. Philadelphia.

- Costanzo, LS (2013). Physiology. 5th Edition. Elsevier SaundersPhiladelphia.

- Ganong, WF (2006). Review of Medical Physiology. McGraw-Hill.

Método de ensino

A disponibilizar brevemente

Método de avaliação

A avaliação será constituída por duas componentes, a Teórica e a Prática, sendo que a classificação final na UC de Fisiologia resulta da média ponderada entre as duas: 60 % da avaliação Teórica e 40 % da avaliação Prática. Os parâmetros e momentos de avaliação serão os seguintes:

1) Componente teórica (60%): A classificação da componente Teórica será obtida através da média aritmética dos 2 Testes de avaliação individual, portanto contribuindo cada um com 30 % para a nota final da UC. Os testes terão a duração de 1h30m, incidirão nos temas leccionados até à aula teórica anterior (da semana anterior).

2) Componente prática (40%): A avaliação da componente Prática será calculada através da média aritmética entre as classificações na apresentação do "Seminário de Fisiologia Biomédica" (Trabalho de Grupo, 20 %) e a avaliação obtida no decurso das Aulas Práticas (20 %). A avaliação nas aulas práticas será calculada através da média aritmética das classificações obtidas nos 4 protocolos entregues (4 x 5 % = 20 %).

A avaliação final será de 0-20 valores, com arredondamento à unidade. O arredondamento será efectuado apenas no cálculo da classificação final da UC de Fisiologia, sendo que não se procederá a arredondamento no cálculo das avaliações parciais.

Para que possa concluir a UC de Fisiologia com sucesso (aprovação), o aluno terá que obter aprovação (classificação maior ou igual a 10 valores) em cada uma das componentes de avaliação (Teórica e Prática).

Para obter aprovação na componente Prática o aluno deve obrigatoriamente ter presença em pelo menos 2/3 das Aulas Práticas (limite máximo de 5 faltas). A aprovação na componente Prática tem a validade de 2 anos lectivos.

Apenas poderão apresentar-se a Exame de Recurso os alunos com aprovação na componente Prática.

O exame de Recurso englobará toda a matéria leccionada, quer na componente Teórica, quer na componente Prática, excluindo-se os temas abordados nos Trabalhos de Grupo ("Seminários de Fisiologia Biomédica").

Conteúdo

Caracterização histológica dos tecidos epitelial, conjuntivo, muscular e nervoso. Organização hierárquica do sistema nervoso do ponto de vista anatómico; Princípios básicos da Fisiologia do Sistema Nervoso Central e  do Sistema Nervoso Autónomo.  Fisiologia do Sistema Cardiovascular. Fisiologia do Sistema Respiratório.  Princípios básicos Fisiologia Renal. Contracção muscular e controlo neuromuscular. 

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: