Segurança e Higiene Ocupacionais

Objectivos

As matérias ensinadas devem proporcionar aos estudantes da FCT-UNL conhecimentos básicos e fundamentais no domínio da segurança e saúde ocupacionais, integrando-os com conhecimentos adquiridos em outras disciplinas dos respectivos cursos.

No final do semestre os estudantes deverão estar aptos a:

- intervir ativamente na gestão da segurança e saúde ocupacionais

- identificar perigos laborais

- fazer avaliações preliminares e saber prevenir os riscos mais comuns dos locais de trabalho, especialmente em ambientes industriais

- saber comunicar e articular estratégias com os técnicos de segurança acreditados, responsáveis por esta vertente em cada empresa

 

Caracterização geral

Código

10610

Créditos

3.0

Professor responsável

Isabel Maria Nascimento Lopes Nunes, Maria Celeste Rodrigues Jacinto

Horas

Semanais - 4

Totais - 64

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não existe regime de precedências. Necessários conhecimentos básicos em matemática, física e química. 

Bibliografia

- ISO 45001. 2018. Occupational health and safety management systems. 

- BS 8800. 2004. Guide to occupational health and safety management systems. British Standard Institutions

- Miguel, Alberto S. 2014. Manual de Higiene e Segurança do Trabalho, 13ª Edição, Porto Editora (MAIN BOOK)

- Harms-Ringdahl, L. 2001. Safety Analysis – Principles and Practice in Occupational Safety. 2nd Ed. Taylor & Francis, Lon.

- Jacinto, Celeste; não pub, 2012. Métodos Práticos para Análise e Avaliação de Riscos. Apoio às aulas, FCT/UNL

- Kjellén, Urban. 2000. Prevention of accidents through experience feedback. Taylor & Francis, Lon.

- Legislation / EU Directives: Imprensa Nacional – Casa da Moeda.  

- Willie H.1989. Occupational Safety Management and Engineering, 4th Ed, Prentice Hall, Englewood Cliffs, New Jersey

Método de ensino

1 Aulas teóricas

Nas aulas teóricas é feita uma exposição oral da matéria, com projecção de slides (data show) e o apoio do quadro de parede. Os estudantes são motivados a intervir, de forma disciplinada, através de perguntas colocadas pela(s) docente(s). 
A colocação de questões serve também para avaliar o grau de conhecimento dos estudantes relativamente a alguns conceitos básicos que vão ser utilizados durante a exposição da matéria (conhecimentos gerais ou conceitos adquiridos nas disciplinas propedêuticas). Desta forma, a docente tem a possibilidade de fazer uma breve revisão de outras matérias, sempre que considere oportuno e no sentido de facilitar a aprendizagem. 
No início de cada aula é feita uma breve síntese (por tópicos) da matéria abordada na aula anterior. No final da mesma, ou quando se dá a transição para um novo assunto, é feita uma recapitulação sobre as questões mais relevantes da matéria exposta.

 2  Aulas práticas e recursos laboratoriais

Sempre que possível, dado o carácter muito prático da disciplina, apresentam-se exemplos de casos reais (bons e maus exemplos). Para o efeito são também utilizadas fotografias e vídeos.

- Resolução de exercícios. Em algumas aulas, e em função da matéria, são resolvidos exercícios teórico-práticos, para que os alunos possam acompanhar o raciocínio envolvido em cada passo, sendo discutidos e comentados os resultados.

- Trabalho prático de grupo (dentro e fora das aulas): Legislação em vigor (SHST): pesquisa, análise e preparação de sínteses (um tema por grupo). Apresentação oral na 4ª aula prática (discussão pode ser em grupo ou individual). Objectivo: pretende-se que os alunos adquiram treino em pesquisa de Legislação e respectiva interpretação. O treino inclui comunicação oral, através da apresentação de uma síntese a toda a turma (em powerpoint). Desta forma é possível fazer com que os alunos complementem, por outra via, os conhecimentos transmitidos nas aulas teóricas.

- Equipamento de Protecção Individual (EPI). É uma aula de cariz teórico-prático, em que os alunos têm contacto directo com diversos equipamentos. Para apoio a esta aula foram adquiridos exemplares de diversos EPI’s. A aula é realizada no Laboratório de Ergonomia. Contacto com diverso tipo de Sinalização de Segurança existente no Laboratório de Ergonomia, e respectivo enquadramento legislativo.

- Medição e avaliação de ruído ocupacional (Laboratório - uso de sonómetros). Medição da exposição ao ruído, utilizando gravações feitas em diversas unidades industriais, ou equipamento que emite ruído. Cálculo dos parâmetros de avaliação e análise dos resultados. Medidas de protecção a recomendar. Nesta aula os alunos são incentivados a usar protectores auriculares, para percepcionarem o nível de atenuação obtido. No final da aula entregam folha de resultados e conclusões.

- Iluminação (Laboratório - uso de luxímetros). Cálculo da iluminação em ambientes de trabalho interiores. Comparação do valor teórico calculado com o valor efetivo da iluminância da sala em questão (valor obtido por medição direta). Análise e discussão dos resultados. No final da aula entregam folha de resultados e conclusões.

Método de avaliação

A Avaliação tem 3 componentes com nota (0-20) + 1 componente com presença e execução obrigatória de trabalho laboratorial, da seguinte forma:

> 1 TRAB. GRUPO (TG) (20% na classifi. final), com apresentação individual - um tópico específico por grupo - exposição oral do trabalho e discussão. Este primeiro trabalho é o que confere frequência (nota mínima de 9 valores).

 > 2 TESTES INDIVIDUAIS (T) (40% cada teste e média com nota mínima de 9.5 valores)


> PRESENÇA E EXECUÇÃO DE TRABALHO LABORATORIAL: pelo menos um Trabalho Laboratorial (Lab) (avaliação de Ruído ou Iluminação).

    NOTA FINAL (média)= [20%TG + 40%T1 + 40%T2] x (0/1)Lab

Conteúdo

1. Introdução à Gestão da Segurança: Organização e Gestão da Segurança, Higiene e Saúde do Trabalho (SHST). Legislação. Custos da Segurança: Acidentes e Prevenção. Conceito de Perigo, Risco e Risco aceitável. Hierarquia da Prevenção e Proteção. Princípio ALARP. ISO 45001:2018.

2. Acidentes de Trabalho: Causalidade dos acidentes. Índices de sinistralidade e outros indicadores de monitorização.

3. Incêndio e Explosão: Riscos de explosão e inflamação. Misturas explosivas. Limites de explosividade e inflamabilidade. Caracterização do risco de explosão. Medidas de Prevenção e Proteção contra incêndios. Deteção e Alarme. Classes de fogos. Processos de extinção e agentes extintores. Avaliação do risco.

4. Higiene e Saúde: Contaminação Química no trabalho. Substâncias perigosas. Exposição ao Ruído e Vibrações. Iluminação. Ambiente Térmico.

5. Segurança no Trabalho: Sinalização de Segurança. Equipamento de Proteção Individual. Armazenagem de substâncias perigosas. Riscos Elétricos.