Mestrado em Biotecnologia para a Sustentabilidade

Objetivos educativos

Este mestrado visa criar profissionais com capacidade crítica e analítica em áreas Moleculares, Bioquímicas, Celulares e Organismais dirigidas ao desenvolvimento de tecnologias mais sustentáveis no domínio da Biotecnologia verde e branca. Este objetivo será alcançado através de sólida formação em Biologia Molecular e Celular, Bioquímica, Biotecnologia, Química Sustentável, Engenharia Química, e Bioinformática, e respectiva integração com vista ao desenvolvimento de novos produtos e processos baseados em plantas e microorganismos.

O conhecimento adquirido será colocado em perspectiva quer através de treino na criação de empresas de base biotecnológica quer através da análise das implicações éticas da sua utilização. O curso está desenhado para fornecer uma sólida formação académica multidisciplinar, nas vertentes fundamental e aplicada, que faculte o acesso a áreas de I&D em diversos setores da indústria e dos serviços, relacionados com a Biotecnologia vegetal e microbiana.

Caracterização geral

Código

MBtS

Ciclo

Mestrado (2.º Ciclo)

Grau

Mestre

Acesso a outros cursos

A disponibilizar brevemente

Coordenador

Margarida Oliveira

Data de abertura

1ª Fase
Candidaturas: 15.04 a 12.07.2019
Publicação de resultados: até 22.07.2019
Matrícula e Inscrição dos candidatos admitidos: 19.08 a 06.09.2019

2ª Fase
Candidaturas: 26.07 - 20.09.2019
Publicação de resultados: até 01.10.2019
Matrícula e Inscrição dos candidatos admitidos: 03.10 a 07.10.2019

Número de vagas

O Mestrado funcionará com um número de alunos compreendido entre 10 e 25.

Propinas

Candidaturas: 51€ (não reembolsável)
Taxa de matrícula: 35€
Propina anual: 1063,47€ para estudantes Portugueses ou de outros países da UE, 7000,00 € para estudantes de outras nacionalidades

Horários

De segunda a sexta feira, horário diurno

Requisitos para obtenção do grau ou diploma

4 Semestres - 120 ECTS

1.º ano
Alterações globais e sustentabilidade (3 ECTS)
Nutrição de plantas e interacções simbióticas (3 ECTS)
Microbiologia ambiental e industrial (4 ECTS)
Biologia do Stress em Plantas (3 ECTS)
Bioprodutos, biomateriais e bioenergia (3 ECTS)
Técnicas laboratoriais (6 ECTS)
Bioestatística e bioinformática das tecnologias à escala do genoma (4 ECTS)
Biotecnologia de plantas para a agricultura e florestação (4 ECTS)
Biocatálise para a sustentabilidade (3 ECTS)
Separação de bioprodutos limpos (3 ECTS)
Bio- e Quimio-remediação (3 ECTS)
Bioempreendedorismo (3 ECTS)
Rotações laboratoriais (6 ECTS)
Ética em biotecnologia (3 ECTS)
Opção (3 ECTS)
Seminários interdisciplinares I (1.5 ECTS)
Seminários interdisciplinares II (1.5 ECTS)
Planeamento do projecto de tese (3 ECTS)
Total (60 ECTS)


2.º ano
Dissertação (60 ECTS)

Condições de acesso

Serão aceites candidatos que cumpram um dos seguintes critérios:

a) Titulares do grau de licenciado ou equivalente legal nas áreas da Biologia (Ciências Biológicas, Engenharia Biológica), Biotecnologia, Química, Bioquímica, Agronomia (Ciências Agronómicas, Engenharia Agronómica) e afins;
b) Titulares de um grau académico superior estrangeiro (conferido numa das áreas indicadas em - a) na sequência de um 1.º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente a este Processo;
c) Titulares de um grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado pelo Conselho Científico do Mestrado Biotecnologia para a sustentabilidade ;
d) Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pela Comissão Científica do Mestrado Biotecnologia para a sustentabilidade

Admissão
Os candidatos à matrícula serão seleccionados com base na(o):
- Classificação da licenciatura;
- Currículo académico, científico e profissional;
- Eventual entrevista pessoal.

Regras de avaliação

The evaluation procedure is not equal to all curricular units.
It is predicted the following evaluation procedures for the curricular part:
1. Evaluation with an exam or final work
2. Evaluation without exam or final work. In these curricular units the evaluation will be distributed along the year, for example, lab work, small tests, tests, individual or group work, seminars, to which there will be a classification that will contribute for the final classification

Estrutura

A disponibilizar brevemente