Comunicação de Ciência

Objectivos

Os resultados da investigação científica devem ser comunicados, não só entre pares mas também para leigos. Os investigadores e profissionais de saúde são também avaliados pela comunicação que fazem do seu trabalho, e esta componente é tida em conta para a avaliação e financiamento de projetos científicos.

Com esta unidade curricular pretendemos que seja adquirida capacidades para:

- Reconhecer a importância da comunicação de ciência, especialmente em saúde;

- Aplicar várias técnicas de comunicação de ciência e saber escolher o método adequado ao objetivo;

- Conhecer os princípios e métodos para uma comunicação efetiva;

- Saber aplicar o processo de avaliação da comunicação;

- Conhecer as várias plataformas de comunicação atuais e perceber o seu papel e potencial na comunicação em saúde;

- Promover prática da relação com profissionais da comunicação social;

- Demonstrar competências de comunicação, tanto escrita como oral, adequada a vários tipos de audiência, pares vs. publico leigo.

Caracterização geral

Código

9614

Créditos

4.0

Professor responsável

A disponibilizar brevemente

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - 28

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Os exigidos no Mestrado em Epidemiologia, Bioestatística e Investigação em Saúde.

Bibliografia

  • Blum, Deborah et al. (2006) A Field Guide for Science Writers, 2nd edition. Oxford: Oxford University Press; 

  • Brake, M., & Weitcamp, E. (2009) Introducing Science Communication: a Practical Guide. Palgrave Macmillan;

  • Granado A., Malheiros J.V. (2015) Cultura Científica em Portugal: Ferramentas para Perceber o Mundo e Aprender a Mudá-lo. Fundação Francisco Manuel dos Santos;

  • Kreps, G.L. (Ed.) (2010). Health Communication, London: Sage Publications.

  • National Research Council (2010) Surrounded by Science: Learning Science in Informal Environments. Washington D.C.: The National Academies Press.

Método de ensino

Aulas teóricas, em sistema participativo

Estudo de casos

Trabalho de grupo

A avaliação tem como base os seguintes parâmetros

  1. Empenho, grau e qualidade de participação nas aulas (20%)

  2. Preparação de um Comunicado de Imprensa – comunicação escrita (40%)

  3. Apreciação do elevator pitch – comunicação oral (40%)

Método de avaliação

A disponibilizar brevemente

Conteúdo

1. Importância da comunicação de ciência.

. Apresentação dos conceitos PUS-Public Understanding of Science, PE-Public Engagement;

. Consciencialização para responsabilidade social de comunicação de ciência em saúde.

2. Técnicas de comunicação de ciência.

. Comunicação Escrita.

. Comunicação oral, uni/bi-direccional.

. Diferentes tipos de audiência/público-alvo.

3. Comunicação efetiva.

. Conteúdo: simplificação da mensagem;

. Comunicação visual: preparação de apresentações, pósteres, materiais visuais e gráficos;

. Linguagem corporal.

4. Avaliação da comunicação.

. Instrumentos de avaliação da comunicação de ciência;

. Exemplos de projetos/ações de comunicação de ciência bem-sucedidos.

5. Plataformas de comunicação mass media.

. Canais de informação tradicionais: televisão, rádio, jornais;

. Nova geração de canais de informação – comunicação online: blogs, redes sociais.

6. Interação com os media.

. Principais diferenças entre o método científico e jornalismo;

. Media training.

7. Demonstrar competências de comunicação de ciência.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: