Arte e Tecnologia

Objectivos

a) Ter uma noção abrangente da inevitabilidade de uma abordagem contemporânea à arte que contemple uma dimensão tecnológica, quer como meio quer como o próprio objeto de reflexão;
b) Reconhecer a articulação entre a evolução tecnológica e os discursos (isto é, as contribuições teóricas, estéticas, políticas, sociológicas e afins) que nela identificam potencialidades artísticas ou que, pelo contrário, as recusam;
c) Identificar as condicionantes e limitações que cada meio tecnológico impõe às práticas artísticas que a ele recorrem, mas igualmente as virtualidades artísticas que daí resultam;
d) Compreender a indissociabilidade, nos objectos artísticos, entre o uso dos meios como «recurso» e uma auto-reflexão sobre o próprio meio enquanto tal.

Caracterização geral

Código

73217152

Créditos

10.0

Professor responsável

Jorge Manuel Martins Rosa

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - 280

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

N/A

Bibliografia

Benjamin, W. (1992). O Autor como Produtor. In Sobre Arte, Técnica, Linguagem e Política. Lisboa: Relógio d´Água, 137-156.
Bolter, J. D. & Grusin, R. (1999). Remediation: Understanding New Media. Cambridge (MA): The MIT Press.
Crary, J. (1989). Spectacle, Attention, Counter-Memory. October, 50, 97-107.
Hansen, M. (2006). New Philosophy for New Media. Cambridge (MA): The MIT Press.
Hayles, N. K. (2005). My Mother was a Computer: Digital Subjects and Literary Texts. Chicago: Univ. of Chicago Press.
Popper, F. (2007). From Technological Art to Virtual Art. Cambridge (MA): The MIT Press.

Método de ensino

Tratando-se de um seminário de doutoramento e portanto direcionado para a pesquisa autónoma dos alunos que conduzirá à realização de uma tese, privilegia-se nas sessões presenciais (aulas), num primeiro momento, a discussão aprofundada de textos, ora propostos pelo docente ora pelos alunos, e em fase posterior o trabalho de preparação de um projeto de curadoria (coletivo) em torno de tema variável de ano para ano, e de artigos (individuais) que fundamentem academicamente as opções de curadoria.

Método de avaliação

A avaliação tem em conta a participação nas aulas (20%), E extensa após comentários (40%), o artigo apresentado, em versão curta (40%)

Conteúdo

1 . Introdução: Da mecanização da vida à mecanização da arte: A questão da arte tecnológica.
2 . Breve genealogia da arte tecnológica contemporânea.
3 . Potencialidades artísticas e condicionantes tecnológicas: Pesquisa teórico-prática.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: