O(s) Público(s) e os Media

Objectivos

O propósito essencial deste seminário consiste na análise da relação dos públicos com os media, nos seus vários suportes. Partindo de uma abordagem mais geral, para contextualizar a forma como os recetores das mensagens mediáticas foram sendo perspetivados do ponto de vista das teorias da comunicação, será dada particular importância à delimitação do conceito de “público(s)”, em oposição ou conjugação com outras noções, como audiência.
A relação do jornalismo com o seu público, não esquecendo os novos e constantes desafios trazidos por uma ecologia mediática em permanente mutação, constitui também uma das linhas de análise sugeridas, procurando ainda debater as emergentes dimensões e papéis que tem vindo a ganhar o outro lado da mensagem jornalística. Este seminário pretende, finalmente, explorar o terreno da receção, cujas pesquisas académicas incidem, de uma forma geral, na forma como determinados produtos e processos mediáticos são apropriados pelos públicos a que se dirigem.

Caracterização geral

Código

7220011101

Créditos

10.0

Professor responsável

Professor a definir - FCSH #1

Horas

Semanais - 3

Totais - 280

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não tem.

Bibliografia

ALASUUTARI, P. (1999) (ed.). Rethinking the Audience: The New Agenda. London: Sage.
BROOKER, W., JERMYN, D. (2003) (eds.). The Audiences Studies Reader, London: Routledge.
DAHLGREN, P. (2009). Media and Political engagement. Citizens, communication, and democracy. Cambridge: Cambridge University Press.
ESQUENAZI, J. P. (2006). Sociologia dos Públicos. Porto: Porto Editora.
LEWIS, J.; INTHORN, S.; WAHL-JORGENSEN, K. (2005). Citizens or Consumers. What the media tell us about political participation. Berkshire and New York: Open University Press.
LIVINGSTONE, S. (2005) (ed.). Audiences and Publics: When Cultural Engagement Matters for the Public Sphere. Bristol, UK: Intellect.
MACHOR, J.L.; GOLDSTEIN, P. (2001) (eds.). Reception study: From literary theory to cultural studies, New York/London: Routledge.
ZELLER, F.; PONTE, C.; O’NEILL, B. (2015) (eds.). Revitalising audience research. Innovations in European audience research. London and New York: Routledge.

Método de ensino

Esta unidade curricular terá um caráter fundamentalmente teórico, de exploração e contextualização de conceitos diversos relacionados com as temáticas a abordar, mas inclui também uma componente mais prática, centrada na discussão de bibliografia relevante previamente lida pelos discentes e na apresentação de projetos e investigações científicas por parte da docente. As sessões poderão ainda incluir conferências de investigadores convidados e momentos de acompanhamento individual dos trabalhos a apresentar no final do semestre.
Ensino presencial

Método de avaliação

Participação ativa nas sessões, bem como a produção de uma recensão (e respetiva discussão/apresentação oral) de um dos textos indicados pela docente(30%), Trabalho final individual de caráter teórico/prático (70%)

Conteúdo

1. Os media e os seus destinatários uma breve conceptualização a partir das teorias da comunicação. Da teoria hipodérmica aos cultural studies”.
2. O conceito de público(s): perspetivas teóricas.
3. Media, jornalismo e participação. A relação dos media noticiosos com os seus públicos: dimensões e perceções.
4. O terreno da receção. Estratégias metodológicas e desafios recentes.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: