História da Expansão Portuguesa

Objectivos

a) Identificar os principais processos políticos, económicos, sociais e culturais que caracterizaram a Expansão Portuguesa nos séculos XV a XVIII.
b) Conhecer as principais interpretações historiográficas dos temas estudados.
c) Compreender a importância dos processos históricos dos povos extra-europeus para a correcta interpretação da história da Expansão Portuguesa.
d) Conhecer a bibliografia fundamental do tema e ser capaz de trabalhar com documentos históricos do mesmo.
e) Desenvolver capacidade de comunicação oral e escrita, integrando um vocabulário e as categorias específicas dos temas abordados.
f) Adquirir conhecimentos que habilitem ao prosseguimento aprofundado de estudos sobre a Expansão Portuguesa.

 

Caracterização geral

Código

711051104

Créditos

6.0

Professor responsável

Alexandra Maria Pinheiro Pelúcia, Cristina Maria Ribeiro da Silva Brito

Horas

Semanais - 4

Totais - 168

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

Não aplica

Bibliografia

COSTA, João Paulo Oliveira e (coor.), RODRIGUES, José Damião, e OLIVEIRA, Pedro Aires de, História da Expansão e do Império Português, Lisboa, A Esfera dos Livros, 2014, pp. 11-339.
DOMINGUES, Francisco Contente (dir.), Dicionário da Expansão Portuguesa 1415-1600, 2 vols., s.l., Círculo de Leitores, 2016.

Método de ensino

Aulas teóricas baseadas em exposições magistrais por parte da docente. Aulas práticas baseadas na discussão de temas por parte dos alunos, sob orientação da docente, com recurso à apresentação, análise e comentário de fontes, textos
historiográficos, produtos audiovisuais, mapas e outros materiais iconográficos.

 

Método de avaliação

Assiduidade e participação oral nas aulas praticas(20%), Um teste escrito(40%), Um teste escrito(40%)

Conteúdo

I. O Império Marítimo (1415-1663)
1. Afirmação (1415-1572)
a) Uma medievalidade moderna
b) A afirmação do eixo afro-atlântico
c) A primeira estratégia global
2. Transformação (1521-1663)
a) Novos protagonistas
b) Novos rivais
c) Nova configuração
II. O Império Territorial (1663-1822)
1. Reafirmação (1663-1750)
a) O domínio do sertão.
b) Áreas de influência.
c) Uma “fragilidade resistente”.
2. Redefinição (1700-1822)
a) A preponderância do Brasil.
b) As reformas pombalinas.
c) O reino na colónia.

 

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: