Semântica

Objectivos

a) Identificar o objeto de estudo da semântica;


b) Reconhecer as bases de análise que suportam uma representação semântica das línguas;


c) Identificar os mecanismos adequados que permitem a construção de valores semanticamente relevantes nas línguas naturais;
d) estabelecer relações de proximidade e de diferenciação entre os domínios da semântica e da pragmática

Caracterização geral

Código

711131053

Créditos

6.0

Professor responsável

Helena Virgínia Topa Valentim

Horas

Semanais - 4

Totais - 168

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

A disponibilizar brevemente

Bibliografia

Binnick, R. I. (ed.), 2012. The Oxford Handbook of Tense and Aspect. Oxford: Oxford University Press.
(caps 17, 25, 26).
Campos, Mª H.Costa & Mª F. Xavier, 1991. Sintaxe e Semântica do Português. Lisboa: Universidade Aberta (caps. 8, 9, 11, 12). 
Horn, L. & G. Ward (eds), [2004]2006 The Handbook of Pragmatics. Malden/Oxford: Wiley Blackwell (caps.4, 5, 6, 20); 
Lopes, A. C., 1993. Sobre a referência nominal genérica. In Discursos: estudos de língua e cultura portuguesa. Lisboa: Universidade Aberta, pp. 115-134.

Lyons, J., 1977. Semantics. Cambridge: CUP.
 


Palmer, F., 1981. Semantics. Cambridge: CUP. 


Método de ensino

A UC é teórica-prática: as aulas teóricas incidirão sobretudo na apresentação e enquadramento dos tópicos programáticos; nas aulas práticas realizar-se-ão a discussão e apresentação de trabalhos realizados pelos estudantes.

Método de avaliação

Métodos de Avaliação - Participação em trabalhos nas sessões da UC(20%), exercícios intermédios (pelo menos 4) (40%), prova escrita presencial (40%)

Conteúdo

1. O que se estuda quando se estuda semântica? domínios lexicais e frásicos da semântica; a relação entre uso e menção;
 noção e ocorrências de noções (relação type / token); 
atividades linguística, epilinguística e metalinguística
2. Semântica lexical: 
relações semânticas entre termos: relações simétricas e assimétricas:
3. Semântica frásica: 
3.1. Expressões referenciais e construção da referência nominal; tipologias de nominais; processos de retoma; 
3.2. Expressões predicativas:
predicados e argumentos
 marcadores de tempo, aspeto e modalidade.
4. Semântica & Pragmática
Do estudo do significado das formas ao estudo do uso das formas: 
(i) atos de fala e marcação de subjetividade: relações intersubjetivas na construção dos enunciados
(ii) deixis e relações de vizinhança entre sujeitos 
(iii) construção de um ponto de vista: a evidencialidade nas línguas naturais

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: