Problemas prioritários de saúde em diferentes níveis de desenvolvimento

Objectivos

1. Adquirir conhecimento conceitual e empírico sobre a evolução temporal de alguns problemas prioritários de saúde, com foco nos países de baixa –média renda, em particular, dando ênfase à ligação saúde e desenvolvimento, aos determinantes sociais, à saúde infantil, saúde do adulto, saúde sexual e reprodutiva, grandes endemias e ligação aos sistemas de saúde.
2. Desenvolver capacidades de procura, sistematização e análise crítica de dados, com potencial aplicação na formulação de politicas e intervenções de promoção de saúde, em particular, dando atenção à distribuição e evolução indicadores demográficos e de saúde, determinantes e problemas de saúde, em diferentes níveis de desenvolvimento.

Caracterização geral

Código

827005

Créditos

5

Professor responsável

Luís Sambo

Horas

Semanais - 6,5

Totais - 40

Idioma de ensino

Inglês e Português

Pré-requisitos

Não se aplica

Bibliografia

• Omran AR. The Epidemiological Transition. Milbank Memorial Fund Quarterly, 1971, Irwin A, Scali E. Action on the Social Determinants of Health: learning from previous experiences. Social Determinants of Health Discussion Paper 1 (Debates), 2010.
• Barthélémy Kuate Defo (2014). Demographic, epidemiological, and health transitions: are they relevant to population health patterns in Africa? Glob Health Action 2014, 7: 22443 - http://dx.doi.org/10.3402/gha.v7.22443
• Vongsvat Kosulwat (2002). The nutrition and health transition in Thailand. Public Health Nutrition: 5(1A), 183–189 DOI: 10.1079/PHN2001292.
• Lindstrand A, Bergström S, Rosling H, Rubenson B, Stenson B, Tylleskär T. Global Health. An introductory textbook. Studentlitteratur, 2006.
• Merson M. et al (Eds.). International Public Health. 2nd. Edit. Jones and Bartlet, 2006.
• Lozano R, Naghavi M, Foreman K, Lim S, Shibuya K, Aboyans V et al. Global and regional mortality from 235 causes of death for 20 age groups in 1990 and 2010:a systematic analysis for the Global Burden of Disease Study 2010. The Lancet. 2012 15;380(9859):2095-2128.
• World Health Organization (2009). Global health risks: mortality and burden of disease attributable to selected major risks. Geneva.
• Ribeiro, P. S., Jacobsen, K. H., Mathers, C. D., and García-Moreno, C. (2008). Priorities for women’s health from the global burden of disease study. International Journal of Gynecology and Obstetrics, 2008 102, 82–90.
• Teresa Ferreira Rodrigues. Demografia Social e Políticas Demográficas. População, recursos e desenvolvimento. FCSH, 2012.
• The CDI Study Group. Community-directed interventions for priority health problems in Africa: results of a multicountry study, Bull World Health Organ 2010; 88:509–518.
Outros documentos poderão ser sugeridos nas aulas, em referência a tópicos específicos, ou para consulta nos trabalhos de avaliação.

Método de ensino

Exposição em sala de aula; procura guiada de informação; tutoria de trabalhos de utilização de conceitos, informação e metodologias.

Método de avaliação

A avaliação final por trabalho individual com uma síntese (com cerca de 1500 palavras, excluindo as referencias bibliográficas) que privilegia: a) a integração de conhecimentos e capacidades, entre os conteúdos temáticos; b) a aplicação de conhecimento no estudo de outros casos.

Conteúdo

I. Determinantes de Saúde: diferentes quadros conceituais para sistematização. Diferentes focos, em diferentes níveis de desenvolvimento.
II. Saúde e desenvolvimento: evidências empíricas das associações em ambos os sentidos.
III. Transição em Saúde: processos e resultados. Especificidades regionais. Fontes internacionais de dados e sua interpretação.
IV. Transição Demográfica: dinâmica demográfica e populacional, especificidades regionais e por níveis de desenvolvimento; indicadores demográficos e de saúde: IGNOREes de dados e a sua qualidade.
V. Saúde Infantil e Nutrição: determinantes de Saúde –doença da criança em meio tropical; perfil de doença; Intervenções para a Promoção de Saúde.
VI. Saúde do Adulto: desenvolvimento –urbanização e evolução dos factores de risco; utilização de IGNOREes de dados para medição das transformações; os problemas de saúde mais importantes, nos países de baixa e média renda.
VII. Saúde Reprodutiva: Género, Direitos e Saúde: aspectos teóricos e conceptuais; A relação entre género, sexualidade e saúde reprodutiva nas vidas de mulheres e homens: apresentação de exemplos; Contracepção e aborto: representações; Gravidez, maternidade e paternidade; Infertilidade ereprodução medicamente assistida; Sexualidade e adolescência; Violência doméstica e a saúde das mulheres; Doenças sexualmente transmissíveis.
VIII. Grandes Endemias: Casos escolhidos de maior frequência e gravidade (carga de doença: Malária, Tuberculose, HIV-SIDA); Epidemiologia: ciclo de transmissão e história natural da doença. Bases para programas de controlo em contexto tropical e de baixa – média renda.
IX. Sistemas de Saúde em diferentes níveis de desenvolvimento.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: