Seminário sobre questões económicas e financeiras atuais

Objectivos

O principal objetivo deste seminário é que os estudantes estejam familiarizados com as questões económicas de hoje, nacionais e internacionais. Pede-se ao aluno que prepare uma apresentação num só tópico. O tema é uma escolha de estudante, mas tem de ser aprovado pelo instrutor. Estes tópicos em caso de escolhas contraditórias serão, em primeiro lugar, primeiro a chegar.
Qualquer tópico relevante para alguém em Economia ou Finanças é elegível. Todos os alunos devem participar na discussão de piso aberto, mas alguns estudantes serão formalmente escolhidos como principais discussores. Cada aluno será classificado não só pelo conteúdo da sua apresentação, mas também pela sua forma formal de introduzir um tema nas aulas.
Além do instrutor e do aluno, todos os alunos também classificam a apresentação dos seus colegas. Para a apresentação os alunos têm de preparar um documento ppt, bem como uma palavra doc com um resumo executivo (este com no máximo 2.000 caracteres e espaços). Ambos os documentos devem ser enviados com 48 horas de antecedência. O documento do PPT estará disponível no clima para todos os alunos com antecedência.

Caracterização geral

Código

2156

Créditos

3.5

Professor responsável

Luís Manuel Moreira Campos e Cunha

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Inglês

Pré-requisitos

N/A

Bibliografia

Dada a natureza do Seminário, não há bibliografia. No entanto, dependendo do tema escolhido, espera-se que os alunos utilizem informação económica e financeira nos jornais (Financial Times, Herald Tribune, Diário Económico, etc.), relatórios de instituições internacionais (Bancos Centrais, FMI, Banco Mundial, etc.) Ou trabalhos de pesquisa.

Método de ensino

Não há palestras. Em geral, as apresentações são feitas pelos alunos e há aprendizagem por fazer. Algumas apresentações podem ser feitas pelo instrutor.

Método de avaliação

A avaliação é feita pelos alunos pelo instrutor e pelo aluno com a participação de todos os alunos. A frequência de aulas e a participação ativa também fazem parte da sua nota. As especificidades dependerão do número de participantes.

Conteúdo

Os tópicos serão escolhidos pelos alunos e aprovados pelo instrutor. Exemplos de possíveis tópicos: 1) Preços do petróleo nos últimos anos; 2) Bitcoin; 3) Crise da dívida pública; ... Mesmo os tópicos não estritamente económicos ou financeiros, mas relevantes para a formação dos alunos, são admissíveis. Exemplo: Tratado de Lisboa; O papel da educação no crescimento a longo prazo...