Economia do Desenvolvimento II

Objectivos

A. Conhecimento e compreensão:
Resolver modelos teóricos aplicados a questões de desenvolvimento.
Compreender a causalidade e interpretar resultados empíricos no contexto do desenvolvimento.
Conhecer a variedade de métodos de avaliação para intervenções de desenvolvimento.
Ser capaz de pensar criativamente sobre intervenções de desenvolvimento e mensuração de resultados.
B. Competências Específicas:
Discutir com confiança a literatura em economia do desenvolvimento.
C. Competências Gerais:
Avaliar criticamente a investigação em economia.

Caracterização geral

Código

67917

Créditos

3.5

Professor responsável

Pedro Vicente

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - A disponibilizar brevemente

Idioma de ensino

Inglês

Pré-requisitos

N/A

Bibliografia

Banerjee, Abhijit V., and Esther Duflo (2011), Poor Economics: A Radical Rethinking of the Way to Fight Global
Poverty, Public Affairs;
Collier, Paul (2009), Wars, Guns, and Votes: Democracy in Dangerous Places, Harper Collins Publishers;
Angrist, Joshua D., and Jörn-Steffen Pischke (2008), Mostly Harmless Econometrics: An Empiricist's Companion,
Princeton University Press;
7
Duflo, Esther, Rachel Glennerster, and Michael Kremer (2006), Using Randomization in Development Economics
Research: A Toolkit, NBER Technical Working Paper 333.
Sachs, Jeffrey D. and Andrew M. Warner (1995), Natural Resource Abundance and Economic Growth, NBER,
Working Paper 5398.
Easterly, William, and Ross Levine (1997), Africa’s Growth Tragedy: Policies and Ethnic Divisions, Quarterly
Journal of Economics, 112 (4), pp. 1203-1250.
Acemoglu, Daron and Simon Johnson and James A. Robinson (2001), The Colonial Origins of Comparative
Development: An Empirical Investigation, American Economic Review, 91, pp. 1369-1401.
Besley, Timothy (2006), Principled Agents? The Political Economy of Good Government, Oxford University Press.

Método de ensino

Haverá duas aulas de 1 hora e 20 minutos por semana.
Para cada tópico, será fornecida uma visão geral das questões teóricas e empíricas, e alguns exemplos extraídos de
pesquisas recentes serão estudados com mais detalhes.
A participação dos alunos será fortemente incentivada para promover a discussão.
O trabalho escrito individual estimulará os alunos a adquirir competências de investigação.

Método de avaliação

AVALIAÇÃO
Apresentação de um trabalho de investigação (20%)
Redação de uma proposta de projeto de investigação (trabalho individual) (30% da nota)
Participação nas aulas (10%)
Exame final (40%).

Conteúdo

O foco desta unidade curricular está nos principais e atuais tópicos da literatura sobre economia do desenvolvimento.
Após uma breve visão metodológica, discutir-se-ão os recursos naturais e divisões étnicas.
As instituições serão retratadas como estimulantes para o desenvolvimento.
Examinaremos então a democracia e a corrupção.
O restante tempo é dedicado à avaliação de intervenções de desenvolvimento na área de governança.

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: