Teoria, Métodos e Debates em História da Arte

Objectivos

1. Compreender a génese e o desenvolvimento da História da Arte como campo
disciplinar;
2. Conhecer as principais orientações teórico-metodológicas da História da Arte;
3. Conhecer os principais debates que essas orientações vêm suscitando até à
actualidade (no interior da disciplina, mas também na perspectiva mais ampla das
ciências sociais e humanas);
4. Compreender a relação entre as principais orientações teórico-metodológicas e os
debates que vêm suscitando e os desenvolvimentos concretos da historiografia da
arte nacional e internacional;
5. Compreender o universo de referências teórico-metodológicas e os principais
debates da História da Arte de modo conceber um projecto de investigação
criticamente informado;
6. Aplicar os conhecimentos adquiridos e desenvolver a capacidade crítica na
elaboração de um ensaio escrito.

Caracterização geral

Código

722061092

Créditos

10.0

Professor responsável

Joana Esteves da Cunha Leal

Horas

Semanais - 3

Totais - 280

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

n,a.

Bibliografia

The Art of Art History: A Critical Anthology (ed. D. Preziosi). - Oxford & New York: Oxford University Press, 1998.
Critical Terms for Art History (ed. Robert Nelson and Richard Shiff). – Chicago: University of Chicago Press, 1996.
A Companion to Art Theory (ed. Paul Smith and Carolyn Wilde). - Oxford & Malden: Blackwell, 2002.
Davis, Withney, A general theory of visual culture. – Princeton & Oxford: Princeton University Press, 2011.
Didi-Huberman, Devant l’image. – Paris: Minuit, 1990.
Iversen, M., Melville, S., Writing art history: disciplinary departures. – Chicago: University of Chicago Press, 2010.
Is Art History Global? (ed. J. Elkins) – New York: Routledge, 2007.
Marxism and the History of Art. From William Morris to the New Left (ed. Andrew Hemingway). London: Pluto Press, 2006.
The Subjects of Art History: historical Objects in Contemporary Perspectives (ed. M.A. Cheetham, M.A. Holly and K. Moxey). - Cambridge: Cambridge University Press, 1998.

Método de ensino

Aulas expositivas asseguradas pela docente e pelos investigadores convidados,
seguidas da análise e discussão de textos-chave (pré-definidos) preparada pelos
alunos e pela apresentação final do ensaio temático produzido por cada aluno a
partir dos conteúdos programáticos (15-18 pags).

Método de avaliação

Método de avaliação - 1) um teste escrito(30%), 2) o ensaio final(40%), 3) participação nas discussões de textos em seminários e apresentação e discussão do ensaio final(30%)

Conteúdo

1. A génese disciplinar da História da Arte (Vasari, Winckelmann e Hegel). A
construção de um discurso científico face à autonomia da arte.
2. Primeiras especificações teóricas e metodológicas na abordagem da produção
artística: a) da história cultural de Burckardt ao formalismo da Escola de Viena; b) a
raiz Warburgiana da Bildwissenschaft e a Iconologia de Panofsky; c) estética marxista
e história social da arte; d) psicologia da arte.
3. Estruturalismo e desenvolvimentos da semiótica
4. Arte e sociedade: teoria crítica, sociologia da arte e estética da recepção.
5. Da ideia de crise disciplinar aos novos enfoques teórico-metodológicos: crítica
feminista (Pollock) e a nova história da arte (T.J. Clark); a historiografia de R. Krauss e
o projecto October; a emergência dos visual studies e a sua recepção;
6. Perspectivas da historiografia da arte actual