Conservação e Restauro de Documentos Gráficos

Objetivos

Com a presente Unidade Curricular pretende-se munir o aluno das competências necessárias para a realização de intervenções de conservação e restauro em Documentos Gráficos (DG), cobrindo as principais etapas, técnicas e métodos ao dispor do conservador-restaurador de DG (e.g. limpeza, estabilização, consolidação, reintegração, planificação, acondicionamento); e desenvolvendo o espírito crítico e as capacidades teórico-práticas, que lhe permitam avaliar, selecionar e realizar intervenções de conservação e restauro, em obras e/ou amostras, de forma autónoma, de acordo com os princípios éticos.

O aluno terá a oportunidade de desenvolver a abordagem crítica, relativamente às opções de tratamento, incluindo a capacidade de selecionar os materiais de conservação e os procedimentos a utilizar, em pelo menos uma obra em particular; levando a cabo a Documentação de Conservação completa e detalhada relativa a essa intervenção. Da Documentação de Conservação deve fazer parte o diagnóstico do estado de conservação da obra (incluindo os materiais e as técnicas de produção utilizadas), a proposta de intervenção e o relatório da intervenção, acompanhados de um registo fotográfico detalhado da obra antes, durante e após a intervenção; bem como os métodos de exame e análise que sejam realizados para a caracterização e o estudo da obra.

Especial atenção será dada ao desenvolvimento, no aluno, da sua capacidade de argumentar as vantagens e desvantagens relacionadas com a decisões de tratamento aplicados na obra selecionado, através da apresentação de diferentes casos de estudo e discussão das várias opções de tratamento, em contexto de aula.

Caracterização geral

Código

12248

Créditos

6.0

Professor responsável

Sílvia Oliveira Sequeira

Horas

Semanais - 6

Totais - 84

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

É conveniente o aluno ter previamente realizado com sucesso a disciplina de "Diagnóstico e Conservação de Documentos Gráficos".

Bibliografia

Consultar bibliografia especifica: ''''''''outros''''''''

Monografias:

Paper and Water: A guide for Conservators, ed. by G. Banoy & I. Bruckle, Routled Series in Conservation and Museology, 2011.

Research in Book and Paper Conservation in Europe - a State of the Art, Ed. by P. Engel , Berger, 2009.

Método de ensino

O programa desta unidade curricular compreende a forma expositiva das matérias, com utilização de imagens projectadas, mas principalmente a observação e análise de estudos de caso práticos, bem como a execução prática de intervenções de conservação e restauro sobre amostras e objetos de património cultural. Os alunos também são convidados a participar na discussão e reflexão durante a apresentação dos estudos de caso.

Método de avaliação

Esta UC tem frequência, isto é, conjunto de condições a satisfazer pelo estudante para ter acesso a exame; O aluno terá acesso ao Exame de Recurso desde que não falte a mais de 2/3 das aulas práticas.

Esta UC tem 2 componentes de avaliação contínua: um teste de Avaliação Teórico-prática (TP), e quatro de avaliação Prática (P).Para ter aprovação à UC é necessário ter um mínimo de 9.5 valores em ambas as componentes (Teórico-Prática e Prática)

A avaliação inclui:

TP

Teste: 25%

P

Apresentação: Diagnóstico + Proposta de Intervenção no caso de estudo: 15%

Relatório de intervenção: 20%

Apresentação Final e Discussão: 20%

Participação e “Hands on”: 20%

Nota Final= (T*0.25)+(P*0.75)

TP= avaliada pela nota do teste ou nota do exame de recurso.

P= inclui Relatório de Diagnóstico + Proposta de Intervenção (15%), Relatório de intervenção (20%), Apresentação Final e Discussão (20%), Participação e “Hands on” (20%)

A avaliação da Participação e capacidade “Hands On” inclui:

- Assiduidade e pontualidade;

- Organização e manutenção do caderno de laboratório de conservação e restauro;

- Preparação da mesa / espaço de trabalho;

- Arrumação do espaço de trabalho e objetos no final do dia;

- Manuseamento cuidado dos objetos e proteção pessoal e higiene;

- Motricidade fina na realização de procedimentos de C&R;

- Promoção de uma auto-crítica na decisão de conservação e propostas e intervenções realizadas;

- Implementação de acondicionamento e medidas de preservação adequadas ao objeto.

- capacidade de trabalho em grupo.

Conteúdo

Programa geral:

  • Considerações sobre ética profissional e filosofias de intervenção no Documento Gráfico: dos documentos de arquivo e biblioteca às obras de arte em papel;

  • Caraterização material e tecnológica de diferentes tipologias de documento gráfico e seleção de objetos para estudo e intervenção.

  • Diagnóstico do estado de conservação do objeto sob estudo e preparação da ''''''''''''''''Documentação de Conservação''''''''''''''''.

  • Conservação e Restauro de Documentos Gráficos: principais conceitos e técnicas de limpeza, métodos de estabilização e consolidação, metodologias de armazenamento e acondicionamento para a preservação futura.

  • Intervenção e processo de ''''''''''''''''tomada de decisão'''''''''''''''' sobre os casos de estudo: Normas deontológicas e compreensão do significado e valor da obra, tendo em conta o contexto histórico de produção e evolução da função da obra; Avaliação dos riscos, tendo em conta o estado de conservação das peças; Seleccão e justificação dos materiais e procedimentos a utilizar na intervenção; Aplicação prática das metodologias de intervenção (necessidades de limpeza, estabilização, consolidação, planificação e acondicionamento da obra).

  • Avaliação das necessidades preventivas de conservação e discussão dos resultados alcançados com o tratamento das obras sob estudo.