Introdução à Física Experimental

Objectivos

Pretende-se que o aluno obtenha sensibilidade para questões de tratamento de dados experimentais e que obtenha prática de fazer experimentação para obter conclusões em questões na área de Física.

Caracterização geral

Código

10538

Créditos

3.0

Professor responsável

Pedro Manuel Duarte Gonçalves Amaro

Horas

Semanais - 3

Totais - 42

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

NA

Bibliografia

a) Guiões dos Trabalhos Práticos;
b) Manual de Elaboração de Relatórios e Tratamento de Resultados Experimentais;
c) Guide to the expression of uncertainty in measurement (GUM);
d) Outra indicada nos guiões e no Manual.

Método de ensino

Exposição de conceitos em sessões  teóricas semanais, acompanhando a actividade laboratorial presencial.

Experimentação laboratorial assistida em laboratório, em períodos de 3h a cada 2 semanas, sincronamente com a exposição que acompanha cada experiência e métodos de tratamento dos respectivos dados. 

Método de avaliação

A avaliação tem 3 componentes:

  • relatórios dos trabalhos experimentais (4, em principio), Nr;
  • questionários online (4, em principio), Nq; 
  • participação colaborativa, desafio e apresentação final, Na.

 

A nota final é calculada pela seguinte forma NF = 0,4 Nr + 0,2 Nq + 0,4 Na com as notas parciais arredondadas às décimas.


Caso um estudante falte a um trabalho experimental tem 0 valores nesse relatório. No entanto está prevista uma aula para realização de um trabalho experimental cujo o aluno apresente uma falta justificada.

Conteúdo

Método científico
Prática experimental
Tratamento de resultados e incertezas
Conclusão

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: