Bio-Segurança e Bioética

Objectivos

- Contextualizar  a dimensão ética das ciências da vida e das suas aplicações;

- Promover o debate informado sobre a importância crescente das aplicações das ciências da vida  e da biotecnologia na sociedade;

-Debater a questão da neutralidade da ciência e da responsabilidade social do cientista;

- Desenvolver as capacidades de  contextualização e o raciocínio  argumentativo dos alunos  sobre problemos científicos e éticos.

Caracterização geral

Código

10653

Créditos

3.0

Professor responsável

Isabel Maria da Silva Pereira Amaral

Horas

Semanais - A disponibilizar brevemente

Totais - 58

Idioma de ensino

Português

Pré-requisitos

n/a

Bibliografia

 

Ben Mepham, (2008), Bioethics, an introduction for the biosciences, Oxford University Press.

Donna Dickwenson (2012), All that Matters, McGraw Hill, London.

Gregory E. Pence (2021), Pandemic Bioethics, Broadview Press.

Humberto Rosa, Bioética para as Ciências Naturais, FLAD/NSF International Bioethics Institute, 2002. 

Jeffrey R. Ryan, Jan F. Glarum, Biosecurity and Bioterrorism, Containing and Preventing Biological Treats, Elsevier, 2008.

John D. Arras & Elizabeth Fenton (2018), The Routledge Companion to bioethics (Routledge Philosophy Companions).

Padma Mambisan (2017), An Introduction to Ethical, Safety and Intellectual Property Rights Issues in Biotechnology, Academic Press.

Palmira Fontes da Costa (ed.), Ciência, Ética e Cidadania: Reflexões de Cientistas Nobel, Lisboa, Ed. Autor, 2015.

Pedro Galvão (2015), Ética com razões, Fundação Francisco Manuel dos Santos.

Peter Singer, Ética Prática, Gradiva, 2000.

Método de ensino

As aulas são teórico/práticas e combinam introduções pela docente aos temas da disciplina e sessões de reflexão e debate com a intervenção dos alunos a partir de leituras prévias diversas. Os estudantes têm acesso a um variado tipo de documentação de apoio à frequência da unidade curricular que é disponibilizado na página da disciplina, na plataforma Moodle.

Método de avaliação

 

Elaboração de um comentário escrito sobre um dos temas de bioética do programa curricular (45%)

 

Apresentação oral de um artigo científico, em grupo (4 alunos), sobre um tema específico do programa (30%);

 

Elaboração de trabalho escrito, elaborado em grupo, sobre um dos tópicos da disciplina (25%)


Conteúdo

1. Introdução à bioética: natureza e história

  • A vida: formas, origem e sentido

2. O estado de arte em bioética global – (a bioética aplicada à biotecnologia e à medicina)

3. Os grandes paradigmas da bioética ocidental (modelo teleológico, deontológico, utilitarista e suas variantes)

4. Códigos bioéticos

  • Código de Nuremberg
  • Declaração de Helsínquia e seguintes
  • Relatório Belmont
  • Comissões de Bioética e Direitos Humanos no contexto internacional (UNESCO, ONU, OMS e CICOM)
  • Implementação local das directrizes internacionais – o caso português

 

5. Biosegurança: OGMs, Bioterrorismo; Biohacking, Biologia Sintética, Saúde Global.

6. O debate sobre o princípio e o fim da vida humana (interrupção voluntária da gravidez e eutanásia) numa perspetiva interdisciplinar

7. Questões éticas suscitadas pelo desenvolvimento da Genética e da Biotecnologia: Sexualidade e procriação humana; Manipulação e selecção genética (diagnóstico pré-natal, tecnologias de melhoramento da espécie humana, terapia genética); Investigação em embriões humanos (Fertilização in vitro, clonagem e investigação em células estaminais embrionárias), Transplante de órgãos, Melhoramento humano.

 

Cursos

Cursos onde a unidade curricular é leccionada: